Ex-Vasco revela ter deixado o clube após discussão com Eurico Miranda

Leandro Ávila disse ter deixado o Vasco após discussão com Eurico Miranda (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)


O ex-jogador de futebol Leandro Ávila, com passagens pelos quatro grandes clubes do Rio de Janeiro, revelou esta semana em entrevista a um podcast, que sua saída do Vasco da Gama foi resultado de um atrito com o então Vice-Presidente de Futebol do cruzmaltino, Eurico Miranda. A declaração foi dada pelo ex-volante, que contou detalhes do fato durante o papo no 'Elleven Cast'.

+ Ex-jogador detona time do Vasco e crava que clube não volta para a Série A: 'Nem eles estão acreditando'

- Tive uma discussão com o Eurico, pois antigamente não se fazia contrato de 3 ou 5 anos. Era apenas de um ano, seis meses, então você tinha que dar a vida durante a temporada para poder renovar. Na época, o doutor Eurico dava mais valor para quem vinha de fora, do que para o prata da casa e todo ano era aquela discussão. Chegou uma hora que não deu, ai o Botafogo viu que eu não tinha renovado e me levou - contou o ex-atleta.

+ Milton Neves coloca Dorival Jr acima de Jorge Jesus na história do Flamengo

Leandro Ávila foi formado nas categorias de base do Gigante da Colina, onde conquistou nos anos de 1992 a 1994 o tricampeonato carioca. Além do Vasco da Gama, Leandro também vestiu as camisas de Botafogo, Fluminense, e Flamengo, além de Seleção Brasileira e outros clubes do Brasil. Conquistou títulos importantes como a Copa Mercosul de 1999, o Brasileirão de 1995, e o Tricampeonato Carioca de 1999 a 2001.

+ Tino Marcos falou do seu time de coração! Saiba a preferência de outros nomes do jornalismo esportivo