Ex-técnico do Lyon acusa Juninho de privilegiar jogadores brasileiros: 'Criou problema'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O desfecho da temporada 2020/21 não foi dos melhores para o Lyon. Apesar de ter apresentado um bom futebol e ter liderado a Ligue 1 em certo momento do ano esportivo, a irregularidade acabou pesando, e o sonho de sair da fila de títulos nacionais acabou sendo adiado mais uma vez.

Sem taça e sem vaga na Champions, a diretoria do clube acabou decidindo pela demissão de Rudi Garcia, mas podemos dizer que o genioso treinador francês "caiu atirando": em entrevista concedida ao 'L'Équipe' , o comandante rasgou o verbo e teceu duras críticas ao diretor de futebol, Juninho Pernambucano.

Descobri que quando as contratações brasileiras não jogavam, Juninho não ficava contente. Ele preferia ganhar com os seus jogadoresRudi Gardia, em entrevista ao 'L'Équipe'

Rudi Garcia criticou duramente o diretor de futebol, Juninho | MIGUEL MEDINA/Getty Images
Rudi Garcia criticou duramente o diretor de futebol, Juninho | MIGUEL MEDINA/Getty Images

Como destaca o UOL Esportes, o ex-técnico do Lyon chegou a nomear os jogadores que estiveram no epicentro de "situações desconfortáveis" entre ele e o diretor esportivo brasileiro.

"O Paquetá foi indispensável e continuou no time. Mas quando o Bruno Guimarães jogou um pouco menos, isso criou um problema. Tive que administrar. Ele [Juninho] fez as coisas pelas minhas costas, fala com os jogadores pelas minhas costas, permite que alguns me critiquem, como Jean Lucas. Faltou objetividade e igualdade de tratamento", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos