Ex-promessa do Grêmio renasce em Portugal e chama atenção do mercado

Goal.com

Lincoln está cada vez mais consolidado no futebol português. Antiga sensação do Grêmio, onde estreou profissionalmente em 2015, com apenas 16 anos, o meia-atacante tem indicado que, enfim, encontrou o caminho do sucesso na carreira com a camisa do modesto Santa Clara, que ocupa a oitava colocação na primeira divisão. 

Hoje aos 21 anos, o brasileiro é um dos principais destaques do clube dos Açores na atual temporada e, sabe a Goal, vive a expectativa de ser negociado no mercado de verão europeu. Já recebeu nos últimos dias, inclusive, consultas concretas de Olympiacos, da Grécia, e Dínamo Zagreb, da Croácia.

Com contrato válido até junho de 2023, Lincoln está avaliado nos bastidores em aproximadamente 3,5 milhões de euros (pouco mais de R$ 19 milhões). O valor, para já, também está "dentro do orçamento" dos clubes de ponta em Portugal, que acompanham de perto o "despertar" do ex-gremista.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Após um começo de trajetória promissor no clube gaúcho, tendo, em 2016, feito 29 jogos e quatro gols, o meia-atacante natural de Porto Alegre perdeu espaço com o retorno de Renato Gaúcho no ano seguinte. Pouco aproveitado, foi emprestado em 2018 para Caykur Rizespor, da Turquia. Participou em 20 partidas e balançou a rede em três oportunidades.

De volta ao Grêmio, novamente ficou fora das primeiras opções e, por isso, acabou cedido ao América Mineiro, onde passou praticamente em branco: fez somente três exibições oficiais. Sem perspectivas de jogar com frequência, deixou o Tricolor de vez num acordo amigável, assinando logo na sequência com a Santa Clara.

Apesar de ter liberado Lincoln sem custos, o Grêmio manteve 40% dos direitos econômicos do jovem jogador, que já leva 26 jogos e um gol no clube português, dono dos outros 60%.

Leia também