Ex-presidente do Real Madrid morre em decorrência do coronavírus

Goal.com

A pandemia do novo coronavírus causou uma nova morte no mundo do futebol. Neste sábado (21), Lorenzo Sanz, presidente do Real Madrid entre 1995 e 2000, não resistiu após três dias de internação por causa da Covid-19.

Foi sob o seu comando que os Blancos acabaram, em 1998, com um jejum de longas décadas sem conquistarem a Champions League. Os merengues ainda conquistariam, com Sanz no comando o título europeu em 2000.

“O meu pai acaba de falecer. Ele não merecia este final, desta maneira. Nos deixa uma das pessoas mais boas, valentes e trabalhadoras que vi em minha vida. Sua família e o Real Madrid eram sua paixão. Minha mãe e meus irmãos desfrutamos de todos os seus momentos com orgulho”, escreveu o filho do ex-dirigente nas redes sociais, confirmando o óbito.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também