Ex-mulher de Pelé, Assíria Seixas, presta homenagem ao rei

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cantora gospel Assíria Seixas, 62, que foi casada 14 anos com Pelé, usou as redes sociais para prestar homenagem ao rei do futebol, que morreu em 29 de dezembro. Mãe de dois filhos do ex-jogador, Joshua e Celeste, ela postou um vídeo no Instagram elogiando o comportamento do craque fora dos holofotes.

No vídeo, Assíria disse que a sua homenagem era para Edson Arantes do Nascimento, com quem teve dois filhos e que ajudou a criar sua filha primogênita Gemima, de uma relação anterior. "[Gemima] era a filha do coração dele. Ele amou e criou com todo coração igual aos outros dois filhos", disse a cantora sobre a relação do ex-marido com a filha, que esteve ao lado do rei no hospital.

Ela contou que, apesar de todas as viagens e compromissos, Pelé procurava ao máximo estar presente nos momentos importantes da família, como aniversários, escola e eventos que ela participava. Segundo a ex-mulher, o rei foi um bom filho que honrou os pais, um excelente irmão e amigo. "Ele sempre tinha um coração generoso muito doador em todos os sentidos."

Assíria contou que o rei adorava contar piadas e que os dois cantaram muitas músicas juntos –uma das paixões de Pelé que gravou um CD, compôs músicas e cantou com artistas famosos. "Gravamos duas músicas juntos em um dos meus CDs, em português e espanhol."

A cantora gospel falou ainda que, apesar da saudade e dor pela perda de Pelé, ela e os filhos estão confortados com a morte do rei porque têm a certeza de que um dia estarão juntos. "Não é um adeus, iremos nos encontrar com ele um dia. Obrigada, Edson, por tudo o que você foi para mim e para os nossos filhos. Até logo", diz Assíria.