Ex-meia da Portuguesa exalta Roberto Dinamite: 'Um cara maravilhoso, vai fazer muita falta'

'Contar com os gols dele no Brasileiro foi fundamental ', disse Jorginho (Foto: Acervo/Museu da Lusa)


Roberto Dinamite deixou boas lembranças para seus companheiros independentemente dos clubes nos quais atuou. Colega do ídolo, que morreu neste domingo (8), aos 68 anos, Jorginho "Cantinflas" valorizou o convívio com ele na Portuguesa.

+ MERCADO DA BOLA: veja as movimentações do seu time de coração


- Roberto era um cara maravilhoso. Uma pessoa que nos respeitava de maneira absurda, que tinha uma capacidade enorme em campo e era atencioso de uma forma impressionante - afirmou ao LANCE!.

Treinador com passagens por Palmeiras, Portuguesa e Athletico-PR, Jorginho lamentou o fato de não ter convivido mais em campo com Dinamite na Lusa.

- Roberto era um cara comedido, tinha seriedade em campo e nos ajudou muito naquela campanha da Portuguesa. Foram só seis meses, foi uma pena ele não ter jogado mais... - disse.

+ Relembre os feitos de Dinamite com a camisa do Vasco

O meia contou uma passagem curiosa com o craque na Portuguesa.

- Ele estava batendo falta e eu fui pedir algum conselho. Ele disse que era só apoiar o pé do lado da bola ao chegar e chutar. Aí, virei para ele e disse: "mas, Roberto, para você é muito mais fácil, para nós é difícil, né?!" - e acrescentou:

- Roberto era um jogador fora de série. Jogar com tanto com ele quanto com Toninho, Dener, foi um privilégio. Contar com os gols dele naquela campanha do Brasileiro foi fundamental - completou.

Jorginho reconheceu a saudade que ficará do craque.

- Muita, vai fazer muita falta. Desejo sentimentos a toda família e aos fãs. Com certeza, Roberto chegará de forma esplêndida ao reino dos céus - finalizou.