Ex-jogador peruano Chumpitaz e sua esposa se curam do coronavírus

AFP
(ARQUIVO) O ex-jogador peruano Héctor Chumpitaz na escolinha de futebol que dirige em Lima no dia 20 de maio de 2014
(ARQUIVO) O ex-jogador peruano Héctor Chumpitaz na escolinha de futebol que dirige em Lima no dia 20 de maio de 2014

O ex-jogador Héctor Chumpitaz, uma das lendas do futebol peruano, e sua esposa, receberam alta de um hospital em Lima após superar o novo coronavírus, informou o filho nesta terça-feira.

"Meus pais receberam alta e hoje voltam para casa para continuar sua recuperação. Quero agradecer a todos pela preocupação e bons votos", disse Tito Chumpitaz, filho do ex-zagueiro que disputou a Copa do Mundo no México em 1970 e na Argentina em 1978 no Twitter.

Chumpitaz, de 76 anos, campeão da Copa América de 1975, e sua esposa María Dulanto foram admitidos em uma clínica em Lima no dia 30 de abril, após apresentarem sintomas do coronavírus. Eles realizaram exames e testaram positivo.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Agradeço a todos que estavam preocupados com a minha saúde. Quero dizer a todos que se cuidem, porque esse (coronavírus) ainda não passou. Graças a Deus estou bem de saúde", disse Chumpitaz à rádio RPP depois de deixar o hospital.

Este é o primeiro caso de um ex-jogador de futebol no Peru que tenha sido infectado com o coronavírus.

O Peru registrou na terça-feira 72.059 casos e 2.057 mortes de COVID-19 desde 6 de março.

Leia também