Ex-jogador do Grêmio culpa Celso Roth pelo vice-campeonato do BR-08


Em 2008, o Grêmio, então comandado por Celso Roth, surpreendeu muita gente e fez frente ao São Paulo na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. No começo do returno, a vantagem entre os times chegou a ficar em 11 pontos, mas com a queda de rendimento do Tricolor Gaúcho, a equipe de Murici Ramalho levou a taça.

Na última sexta-feira, em conversa com a Rádio Atlântica, o meio-campo Souza, que era integrante do Tricolor dos Pampas, revelou que a ‘teimosia’ do comandante gremista custou a taça nacional.

'O Celso é um cara muito teimoso. No segundo semestre daquele ano, todas as equipes que estavam atrás da gente deram folga aos atletas. E alguns jogadores foram falar com o Celso que estavam cansados, para dar um descanso. No outro dia, teve um (treino) físico tremendo. Então, a equipe fazia um primeiro tempo primoroso e, no segundo tempo, caía de produção. Ele pensou que a gente queria se intrometer no trabalho dele. Então, eu coloco o peso de não ter chegado ao título na teimosia do Celso e muito treinamento quando era hora de dar descanso aos jogadores', declarou ao programa ‘Bola nas Costas’.

O Grêmio terminou a temporada com o vice-campeonato do Brasileiro e ficou com uma vaga na Libertadores da temporada seguinte. Desgastado, Celso Roth não continuou no time para 2009.

Jejum Nacional

Apesar dos últimos títulos conquistados recentemente, como, por exemplo, a Copa do Brasil e Libertadores da América, o Grêmio não fatura o Brasileirão desde 1996.

Resposta

A reportagem tentou entrar em contato com Celso Roth para dar a sua versão, mas até o fechamento da matéria ele não retornou a nossa equipe.











Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também