Ex-jogador da seleção dos EUA fala sobre racismo e revela conselhos do pai na infância: 'Não usar boné'


O racismo está sendo debatido ao redor do após os acontecimentos nos Estados Unidos. O jogador da seleção nacional masculina, DaMarcus Beasley, concedeu uma entrevista no canal Twitch, onde revelou o modo que seu pai o ensinou a 'crescer' e 'agir' em meio ao preconceito.

- Tivemos essas conversas (sobre racismo) e eu tive que crescer agindo de uma certa maneira. Ele dizia: 'Certifique-se de não ter ninguém em seu carro que você não conheça, certifique-se de não usar o boné para trás e, se usar um chapéu, verifique se o cabelo está sempre cortado, verifique se você parece apresentável sempre que está perto de pessoas'. Aquelas coisas que você aprende quando é uma criança negra crescendo neste país - disse.


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também