Ex-jogador Amaral revela que vendeu medalha de bronze conquistada em Atlanta-1996

·1 minuto de leitura
Amaral em ação na Olimpíada de Atlanta - Foto: Clive Brunskill/Allsport
Amaral em ação na Olimpíada de Atlanta - Foto: Clive Brunskill/Allsport

O ex-jogador de futebol Amaral revelou nesta sexta-feira que vendeu a medalha olímpica de bronze conquistada nos Jogos de Atlanta, em 1996. Com seu estilo bem irreverente, ele explicou que tomou a decisão para “pagar várias contas”.

Amaral comentou no Instagram uma foto do levantador Bruninho e da judoca Ketleyn Quadros representando o Brasil na cerimônia de abertura da Olimpíada de Tóquio, nesta sexta-feira.

Leia também:

“Olimpíada de Tóquio, momento único”, escreveu. “Eu, por exemplo, ganhei a medalha de bronze em Atlanta. Eu vendi a medalha. Recebi uma boa proposta e não tive como recusar. Deu para pagar várias contas. Depois, fiz uma réplica.”

Como esperado, o comentário do ex-jogador repercutiu imediatamente, e ele utilizou novamente a rede social para dar maiores informações sobre a venda.

“Comprador ainda pediu para eu tirar uma foto com a medalha. Não poderia negar. Tirei a foto e ele queria comprar até minha réplica, mas aí não vendi não.”

Ex-jogador de clubes como Palmeiras, Corinthians, Vasco, entre tantos outros, Amaral jogou a Olimpíada de 1996. Na ocasião, o Brasil perdeu as semifinais para a Nigéria, na prorrogação, e ficou com o bronze ao golear Portugal na disputa pelo terceiro lugar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos