Ex-Cruzeiro, português Paulo Bento é demitido do Olympiacos

O ex-técnico do Cruzeiro e da seleção de Portugal, Paulo Bento, está sem clube novamente. Nesta segunda-feira, o Olympiacos anunciou a saída do treinador, de 47 anos, após uma sequência de três derrotas seguidas no Campeonato Grego.

O último revés aconteceu no último domingo, para o PAOK, por 2 a 0, fora de casa. Antes disso, a equipe havia caído para Panionios e AEK Atenas. No lugar do ex-cruzeirense, assume Vasilis Vouzas, comandante do sub-20 do clube.

Bento assumiu o clube em agosto de 2016, no início da atual temporada. Mesmo com a série de derrotas, a campanha do português era positiva. O Olympiacos lidera o Grego, com sete pontos de vantagem sobre o vice-líder Panionios.

Além disso, a equipe segue viva na disputa da Liga Europa. Após eliminar os turcos do Osmanlispor, na segunda fase, o clube alvirrubro encara o Besiktas, da Turquia, nas oitavas de final. A partida de ida é nesta quinta-feira.

Esta é a segunda demissão de Paulo Bento em um intervalo de oito meses. O europeu assumiu o Cruzeiro em maio de 2016, mas durou apenas três meses. Com a Raposa brigando contra o rebaixamento no Brasileiro, o treinador foi dispensado, sendo substituído por Mano Menezes, que recuperou a equipe.

Além de Olympiacos e Cruzeiro, o português treinou a seleção de seu país, tendo sido o comandante na Copa de 2014, no Brasil. Ele também passou pelo Sporting, clube no qual encerrou a carreira de jogador e iniciou a de técnico.