Ex-companheiro de Cristiano Ronaldo diz que português pode deixar o Manchester United

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Berbatov com Cristiano Ronaldo, Rooney e Ferdinand no Manchester United em 2009 (Foto: ANDREW YATES / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Ameaçado de não conseguir uma vaga na próxima edição da Champions League, o Manchester United pode ficar sem Cristiano Ronaldo caso a classificação realmente não seja conquistada. Pelo menos é o que garante o ex-jogador Dimitar Berbatov, que atuou nos Red Devils entre 2008 e 2012.


Em entrevista à "Betfair", o búlgaro afirmou que o português está habituado a jogar a competição e que isso pode pesar contra o clube britânico.

- Ficaria muito feliz se ele continuasse, mas, se ele decidir sair, não posso o recriminar. Quando um jogador está acostumado a jogar a Liga dos Campeões todos os anos da carreira e, de repente, fica sem essa competição é difícil de aceitar - declarou Berbatov.

+ Veja a tabela e os jogos da Premier League

Berbatov falou ainda sobre a forma física de CR7, que mesmo aos 37 anos consegue atuar em alto nível. Segundo o jogador, vai depender apenas do português uma permanência no Old Trafford.

+ James Rodríguez busca novo clube: veja nomes de seleções que andam “sumidos”

- Estar nesta forma aos 37 anos mostra que trata muito bem dele. O Cristiano mostrou que, mesmo com esta idade, consegue jogar na Premier League. O estilo de jogo dele, agora, é diferente, mas os gols continuam a ser uma constante e cumpre a função dele, que é marcar. Tem mais um ano de contrato e terá de ser ele a decidir se quer, ou não, continuar - finalizou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos