Ex-BaVi, dupla de brasileiros analisa o futebol dinamarquês

Luis Fernando e Rafaelson pelo Naestved, da Dinamarca (Divulgação)
Luis Fernando e Rafaelson pelo Naestved, da Dinamarca (Divulgação)


Desconhecido para a maioria dos brasileiros, o futebol na Dinamarca têm crescido nos últimos anos, inclusive com a participação da seleção principal na Copa do Mundo da Rússia, disputada em 2018. Atuando na segunda divisão do futebol local, os brasileiros Luís Fernando e Rafaelson, do Naestved, contaram sobre a cultura do país, o estilo de jogo praticado e as expectativas para o restante desta temporada.

- O futebol daqui é de muita força, com menos cadência durante os 90 minutos, mas com uma força física grande, então você precisa trabalhar bem, ser intenso nos treinos e mostrar um preparo forte - disse o volante Luis Fernando, revelado pelo Bahia e que chegou ao clube europeu neste ano.

Desde 2018 no Naestved FC, o atacante Rafaelson, revelado pelo Vitória, explicou a diferença entre o futebol brasileiro e o futebol dinamarquês, e aproveitou também para falar sobre a cultura país nórdico. A dupla entra em campo no próximo domingo, para o duelo diante do Hvidovre, às 08h45, horário de Brasília.

- O futebol brasileiro tem um nível maior na questão técnica, além de ter jogadores com capacidade de decisão bem maior, afinal, é uma das grandes qualidades do futebol do Brasil. Eu gosto muito da cultura daqui, são pessoas muito legais, acolhedoras e bem receptivas. O país é bem bonito, o lado turístico é incrível, com muitos lugares bonitos - disse Rafaelson.


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também