Ex-apresentadora recusou Copa do Mundo pelo filho e deixou TV para ser dona de casa: 'Não me arrependo'

LANCE!
·1 minuto de leitura


Ex-apresentadora do 'Show do Esporte', da Band, Simone Mello, de 58 anos, atualmente é dona de casa e não está arrependida da decisão de deixar a TV e o comando de atrações esportivas. No programa mais famoso da Band, que voltou ao ar recentemente sobre o comando de Glenda Kozlowski e Elia Júnior, ela esteve à frente por 15 anos, entre 1985 e 2000.

+Confira a tabela do Paulistão 2021

- Daquele tempo, eu sinto muita saudade das pessoas, dos amigos, da equipe, da correria do estúdio, era tudo muito legal. Mas não sinto falta de trabalhar todas as noites, na faixa nobre do esporte, todos os finais de semana, passar dias longe de casa. Já deu a minha cota. Não me arrependo de ter largado e não voltaria a atuar na área - disse ela, em entrevista ao 'Uol Esportes'.

Simone relembrou ainda que recusou o convite para cobrir a Copa do Mundo da França, em 1998, por causa do filho, que na época tinha dois anos de idade. Ela tinha receio que a criança se sentisse 'abandonada' por ela por causa do período que ela passaria fora de casa.

- Não me arrependo nem por um segundo. Na época, meu filho tinha apenas dois anos e eu li uma matéria que dizia que a criança nessa idade é tão apegada à mãe que se sente abandonada quando fica longe por muito tempo - disse.

- Aquilo me fez muito mal, então, um mês antes da Copa eu pedi para não ir. Seria um capricho, uma vaidade minha e eu jamais iria me perdoar. Meu filho não precisava passar por isso - completou.