Ex-apresentadora da Globo fala sobre ex-chefe na emissora: 'Ele estava me destruindo, me sentia um nada'

LANCE!
·1 minuto de leitura


Em conversa com o jornalista Thiago Asmar, Carina Pereira falou sobre os efeitos do assédio moral que disse ter sofrido dentro da Globo. A apresentadora falou que sofria dentro da emissora e já havia denunciado o tratamento abusivo que estava acontecendo.

> Veja as classificações atualizadas dos campeonatos estaduais e simules os resultados do seu time!

- As pessoas que estavam em volta achavam que ele tava me elogiando e eu sabia que ele tava acabando comigo. Ele tava me destruindo, eu me sentia um nada. Eu ia pra casa péssima, quando eu não ia chorar no caminhão da UM - disse a apresentadora em live com Thiago Asmar.

Asmar, que é dono do canal "Pilhado", no YouTube, também falou sobre a 'cultura do abuso' que diz ter presenciado. Na ocasião da demissão da jornalista, ele saiu em defesa de Carina quando ele passou por um 'climão' e entrou ao vivo mesmo sabendo que estava demitida.

O jornalista contou que as "piadas e ironias" vinda dos chefes no tempo em que ele era repórter da Globo também afetaram ele no canal e revelou que já chamou um de seus supervisores para uma briga, durante uma reunião.

Veja abaixo um trecho na entrevista.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.