Ex-aluno de 'Shogun' é preso por tráfico internacional de drogas

Aos 28 anos, o lutador de MMA Alexandre ‘Sangue’ foi preso acusado de tráfico internacional de drogas no mês de  abril, ao tentar entrar em Portugal com 2 kg de cocaína. A informação, divulgada pelo site Combate.com, foi confirmada pela reportagem da Ag. Fight com fontes próximas ao atleta. Caso condenado, ele pode passar até dez anos atrás das grades.

Ex-representante da academia UDL (Universidade da Luta), time criado por Maurício ‘Shogun’ em Curitiba, Alexandre chegou à última etapa de seleção para o TUF Brasil 1, em 2012, mas acabou superado por Hugo ‘Wolverine’, aluno de Luiz Dorea.

Em 2009, Sangue chegou a ser expulso momentaneamente da academia após fazer parte do grupo de torcedores que invadiu o gramado após o final da partida entre Coritiba e Fluminense, na capital paranaense. Atualmente ele treinava na Evolution Thai, time liderado por André ‘Dida’ e celeiro de diversos lutadores do UFC.

Sem competir no octógono desde abril de 2016, quando venceu Wesley Oliveira no evento Aspera FC, Sangue se recuperava de uma lesão a negociava seu retorno ao show M-1. Neste ano, Sangue lutou submission em uma edição do ‘Katana Fight’.