Euller relembra passagem no Vasco: 'Representou muito na minha vida'


O torcedor vascaíno sente saudades das arrancadas em velocidade que fizeram Euller ser apelidado de 'Filho do Vento' e o carinho do jogador com o clube não é diferente. Em entrevista ao jornalista Marcus Jacobson, o ex-atacante do Vasco relembrou a dupla de ataque histórica com Romário e falou de sua gratidão ao Cruz-Maltino.

- O Vasco representou muito na minha vida. Afinal, quando eu estava terminando o meu contrato com o Palmeiras, tive a proposta de vários clubes para jogar, mas ainda sonhava com a seleção brasileira e tinha o sonho de jogar ao lado do Romário. Então, quando pintou essa proposta, eu não pensei duas vezes. Fui muito feliz pelo grupo que formamos de jogadores, pela comissão técnica, dirigentes, funcionários e principalmente a sua torcida. Eu tenho gratidão e pra mim foi uma satisfação muito grande. Representou muito. Representou, inclusive, o sonho de chegar a seleção brasileira e foi através do Vasco da Gama que isso aconteceu. Então eu sou grato a Deus por ter tido essa oportunidade - disse Euller.


Atualmente Euller é treinador no Safor Club de Fútbol Gandia, da Espanha, e está aguardando o retorno do futebol em meio a pandemia do novo coronavírus.

- Estamos aguardando a decisão da Federação para o retorno ou não da competição e me aprimorando no que diz respeito às licenças. Já fiz a licença B da UEFA, a licença A também terminei e agora estou aguardando se vai ter a UEFA Pro e se eu vou conseguir fazer por causa dessa pandemia. Então me falta a UEFA Pro pra eu concluir e a partir daí está nas mãos de Deus o meu destino. Vou estar sempre orando para o que de melhor Deus tiver para mim, possa acontecer. Tenho o sonho sim de voltar ao Brasil, mas não no momento. Muito desagradável o que os presidentes têm feito com os treinadores e não me interessa passar por isso no momento. Até pra isso é melhor estar melhor preparado. Então, vamos dar um tempo. Vou continuar aqui , tenho firmado compromisso de continuar ano que vem no Safor e dar sequência no trabalho.

Pelo Vasco, Euller conquistou a Copa João Havelange e a Mercosul. Ao todo, foram 83 jogos e 28 gols no clube.





Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também