'Estou aqui': Nadal chega a Melbourne antes do Aberto da Austrália

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Rafael Nadal
    Rafael Nadal
    Tenista espanhol

MELBOURNE (Reuters) - Rafael Nadal confirmou nesta sexta-feira que tentará seu 21º título do Grand Slam ao postar uma foto sua no Melbourne Park nas redes sociais e dissipando os temores de que possa perder o Aberto da Austrália no próximo mês.

Nadal foi infectado pelo coronavírus durante um torneio de exibição em Abu Dhabi neste mês e disse que tomaria uma decisão sobre seus torneios futuros dependendo de sua "evolução".

"Não diga a ninguém ... aqui estou", postou Nadal, que disputa com Novak Djokovic e Roger Federer o desempate para o recorde masculino de 20 títulos principais, em um post no Twitter que o mostra em pé na quadra da Rod Laver Arena.

Nadal, de 35 anos, jogou em Abu Dhabi depois de passar quatro meses afastado com um problema no pé. Ele foi eliminado em Roland Garros nas semifinais do Aberto da França e forçado a desistir de Wimbledon, das Olimpíadas de Tóquio e do Aberto dos Estados Unidos.

O teste positivo do Covid-19 lançou mais dúvidas sobre se o espanhol jogaria no Aberto da Austrália - torneio em que já venceu uma vez e vice-campeão em quatro oportunidades.

Espera-se que Nadal comece seus preparativos para o Grand Slam retornando à turnê pela primeira vez desde agosto no evento ATP 250 em Melbourne, na terça-feira.

Sua chegada será um alento para os organizadores do Aberto da Austrália, evento devastado pela ausência de Federer, Stan Wawrinka, Dominic Thiem, Serena Williams e Bianca Andreescu.

Enquanto Nadal encerrou as especulações em torno de sua participação, a mídia local noticiou que Venus Williams se juntou à irmã Serena para evitar o Grand Slam de quadra dura.

Venus, que já venceu sete vezes o campeonato, teria exigido um wild card no sorteio principal, mas optou por não viajar para Melbourne, de acordo com a News Corp.

Ainda não há certeza se o número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic, participará do Aberto da Austrália, onde o jogador de 34 anos conquistou um recorde de nove títulos, incluindo os três últimos.

As especulações sobre a participação de Djokovic aumentaram após sua saída da seleção da Sérvia para a Copa ATP em Sydney, que começa no sábado.

(Reportagem de Sudipto Ganguly)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos