Estilo de jogo e bola aérea: São Paulo tem preocupações contra Corinthians

Guilherme Amaro
Rogério Ceni sabe que Corinthians tem as mesmas características do Cruzeiro, mas não mudará o estilo de jogo do São Paulo para o clássico deste domingo, pela ida da semifinal 

Sem muito tempo para preparar a equipe para o clássico contra o Corinthians, o técnico Rogério Ceni tem algumas preocupações no São Paulo, principalmente com o estilo de jogo do rival e as bolas aéreas.

Especialmente quando é visitante, o Corinthians costuma esperar o adversário e sair em contra-ataques, estilo semelhante ao do Cruzeiro, que derrotou o São Paulo no Morumbi por 2 a 0, pela ida da quarta fase da Copa do Brasil. Ciente disso, Rogério Ceni não pensa em mudar o estilo de o Tricolor atuar no clássico deste domingo.

- Nós vamos jogar do mesmo jeito, para vencer, tentar ter a posse de bola, atacar e buscar o gol. O modo do futebol para mim é o mesmo, quero a posse de bola e ficar no campo do adversário, esses são meus objetivos - afirmou o treinador.

O zagueiro Rodrigo Caio também analisou o estilo de jogo corintiano. O defensor deu a receita do que o São Paulo tem de fazer para conseguir furar a marcação adversária.

- O Cruzeiro jogou com uma formação muito fechada, com praticamente cinco jogadores no meio de campo. Tivemos poucos espaços para entrar do meio para frente, não conseguimos trocar passes e isso dificultou muito para a criação. A gente sabe que a característica do Corinthians é igual, é um time que marca muito forte e sai no contra-ataque, eles fizeram isso no 1 a 1 (no último clássico), é um time que joga por uma bola e domingo não vai ser diferente. Temos que ter calma, rodar a bola e caprichar na finalização. Quando fizermos o primeiro gol, acredito que eles vão se abrir mais e vamos ter oportunidade de marcar outros gols - analisou Rodrigo Caio.

Além do estilo de jogo, outra preocupação do São Paulo é com as bolas aéreas. O Cruzeiro marcou as duas vezes assim, e no último clássico contra o Corinthians o atacante Jô empatou de cabeça.

Como o São Paulo jogou quinta-feira contra o Cruzeiro, o técnico Rogério Ceni terá apenas o treino deste sábado para ajustar a equipe para o clássico diante do Corinthians. A missão é difícil.











E MAIS: