Estilo de jogo, destaques e números: uma análise do Defensa y Justicia, rival do Flamengo na Libertadores

·3 minuto de leitura


O Flamengo conheceu nesta terça-feira o próximo adversário na busca pelo título da Libertadores: o Defensa y Justicia (ARG). Apesar de modesto, o clube argentino vem crescendo nos últimos anos, é o atual campeão da Recopa Sul-Americana e promete dar trabalho para o Rubro-Negro nos dois confrontos de oitavas de final - marcados para as semanas de 14 e 21 de julho.

+ Após 'missão cumprida' em maio, Flamengo inicia junho de olho em desfalques e desafios; veja calendário

O principal fator que opõe Flamengo e Defensa é a capacidade de investimento. Enquanto o Rubro-Negro tem uma folha salarial superior a R$ 16 milhões no departamento de futebol, a equipe argentina gasta cerca de 100 mil dólares (R$ 514 mil na cotação atual) com salários por mês. Além disso, há uma enorme diferença de tradição: esta é a segunda participação do clube de Buenos Aires na Libertadores e apenas a primeira no mata-mata do torneio.

Mas se engana quem pensa que será moleza. Adepto da filosofia do bom e barato, o Defensa y Justicia se reestruturou nos últimos anos e passou a colher os frutos de um longo trabalho. O ápice veio no início deste ano: em janeiro, sob comando de Crespo, venceu o Lanús na decisão da Sul-Americana e, em abril, derrotou o Palmeiras nos pênaltis para conquistar a Recopa Sul-Americana.

+ Libertadores: Flamengo enfrenta o Defensa y Justicia nas oitavas; veja o chaveamento até a final

Sebastián Beccacece
Sebastián Beccacece

Beccacece é o treinador do time (Foto: Agustin Marcarian/POOL/AFP)

ESTILO DE JOGO E DESTAQUES

O segredo do sucesso recente do Defensa y Justicia passa por um estilo de jogo definido e pela escolha de técnicos com a mesma linha de pensamento. O comandante atual é Sebástian Beccacece (ex-técnico do Racing e algoz do Flamengo na Libertadores 2020), mas antes passaram nomes como Crespo (São Paulo), Holan (ex-Santos) e Vojvoda (atualmente no Fortaleza).

O próprio Beccacece é uma figura conhecida e está na terceira passagem pelo clube. Com ele, o Defensa aposta em um jogo intenso, com muita pressão no campo do adversário, preferência por jogadas pelos lados e muita movimentação no terço final. Em contrapartida, quando a pressão da equipe é superada pelo rival, ela costuma ser muito vulnerável no sistema defensivo.

+ Começou o Brasileirão! Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Outro ponto que merece destaque é a montagem de um elenco competitivo e econômico. Em vez de gastar rios de dinheiro, o Defensa costuma optar por atletas livres no mercado e jogadores emprestados de clubes grandes. Entre os destaques da equipe, podemos citar:

- Ezequiel Unsain: goleiro, está no clube desde 2017 e é o capitão do time. Bom debaixo das traves, tem a fama de ser decisivo. Na decisão da Recopa, defendeu o pênalti cobrado por Luiz Adriano.

- Enzo Fernández: emprestado pelo River Plate, o volante de 20 anos é peça-chave da equipe, principalmente pela capacidade nos passes e visão de jogo.

- Braian Romero: o grande nome da equipe. Com passagens por Athletico-PR e Independiente, o atacante se encontrou no Defensa e desandou a fazer no gol. No total, são 21 em 33 jogos. Foi o artilheiro da última Copa Sul-Americana.

- Walter Bou: emprestado pelo Boca Juniors, costuma atuar ao lado de Romero no ataque. Divide-se entre as tarefas de fazer o pivô e finalizar as jogadas.

Comemoração - Defensa y Justica
Comemoração - Defensa y Justica

Braian Romero é o grande nome do time (Foto: AFP)

RAIO-X NA FASE DE GRUPOS

Passou em 2º lugar do Grupo A:

- 9 pontos (2 vitórias, 3 empates e 1 derrota)
- 11 gols marcados
- 8 gols sofridos
- 48% de média de posse de bola
- Artilheiro: Walter Bou (4 gols)

Resultados:
​1ª rodada - Independiente del Valle (EQU) 1 x 1 Defensa y Justicia
​2ª rodada - Defensa y Justicia 3 x 0 Universitario (PER)​
3ª rodada - Defensa y Justicia 1 x 2 Palmeiras
​4ª rodada - Universitario (PER) 1 x 1 Defensa y Justicia
​5ª rodada - Palmeiras 3 x 4 Defensa y Justicia
​6ª rodada - Defensa y Justicia 1 x 1 Independiente del Valle (EQU)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos