Carros, telões e 2 mil lugares: clube na Dinamarca cria primeiro 'estádio drive-in' do mundo

Estádio drive-in. Foto: Divulgação/FC Midtjylland
Estádio drive-in. Foto: Divulgação/FC Midtjylland

Por Leandro Tavares (@leandroptavares)

Carros estacionados em frente a telões gigantescos. A cena é comum em cinemas a céu aberto que reúnem diversas pessoas pelo mundo. Mas na cidade de Herning, no oeste da Dinamarca, o episódio pode significar algo diferente: uma partida de futebol.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Pode parecer estranho, mas é essa a aposta do FC Midtjylland em meio à pandemia do coronavírus. Com a perspectiva de jogar com arquibancadas vazias nos próximos meses, o clube da primeira divisão dinamarquesa vai inovar para manter os torcedores perto do time, e ao mesmo tempo em segurança, durante os jogos na MCH Arena. Trata-se do primeiro ‘estádio drive-in’ do mundo.

Leia também:

“Estamos trabalhando duro para criar a melhor experiência possível”, disse Preben Rokkjaer, diretor de marketing do Midtjylland, ao site oficial do clube.

“Pensamos bastante e faremos algo para retribuir à região e aos nossos torcedores fiéis.”

A intenção do clube é disponibilizar inicialmente duas mil vagas gratuitas no estacionamento da MCH Arena para reunir os torcedores - até 10 mil, caso todos os carros tenham a capacidade máxima de cinco pessoas (um motorista e quatro passageiros). Telões serão instalados do lado de fora do estádio e a narração dos jogos estará disponível em uma frequência de rádio.

Além disso, as imagens do estacionamento também serão exibidas dentro do estádio para que os jogadores sintam o apoio dos torcedores.

Se a experiência for bem sucedida, o Midtjylland já adiantou que pode ampliar o número de vagas no estacionamento para os jogos seguintes - a capacidade total é de 12 mil carros - e vai também pedir o registro do acontecimento no Guinness World Records.

“Temos o objetivo de criar a melhor experiência em um estádio. O coronavírus não muda isso, apenas nos dá outras condições. Estamos em diálogo com a polícia, a prefeitura e a MCH para criar uma estrutura segura a todos”, acrescentou Rokkjaer.

Os jogos no ‘estádio drive-in’ devem contar até mesmo com um prêmio aos torcedores com o carro mais estilizado, além de um esquema especial caso haja necessidade de alguém usar o banheiro.

“Esperamos, é claro, que isso seja feito em casa, mas quem precisar ir ao banheiro, terá que acender as luzes do carro, um guarda virá buscá-lo e garantir que o banheiro seja higienizado depois”, explicou o diretor ao jornal dinamarquês BT.

Tradução: Temos boas notícias. As arquibancadas vazias não devem nos separar quando a Super Liga e nossa busca pelo título recomeçarem.

O Campeonato Dinamarquês foi suspenso em meados de março, restando apenas duas rodadas para o término da fase de classificação. O Midtjylland lidera a competição e já está classificado para o hexagonal decisivo.

O clube voltou aos treinos e no dia 8 de maio os jogadores se reuniram em campo pela primeira vez desde a paralisação das atividades. A expectativa da Federação Dinamarquesa é reiniciar a competição no dia 17 de maio e encerrar a temporada até o fim de julho.

Na Dinamarca, mais de 10 mil pessoas foram infectadas e 537 morreram por conta da Covid-19.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também