Estádio Nilton Santos, do Botafogo, pode se tornar polo gastronômico e cultural do Rio

·1 minuto de leitura


A Câmara de Vereadores do Rio aprovou, em primeira discussão nesta quinta-feira, o projeto de lei que transforma parte do Estádio Nilton Santos em polo de cultura, esporte e lazer.

> Confira os resultados da terceira fase da Copa do Brasil

O documento propõe que a prefeitura apoie a iniciativa adaptando a estrutura para o novo empreendimento, como a adequação do trânsito para veículos e pedestres, assim como aumento de vagas no estacionamento e organização da área de lazer.

Autor do PL, o vereador Rafael Aloisio Freitas (Cidadania) afirmou que o estádio é um dos principais pontos de cultura e lazer da zona norte do Rio.

– Tanto é que o projeto não aborda só a questão gastronômica, mas também a questão cultural, esportiva e de lazer. Reconhecendo, portanto, a importância que o estádio adquiriu para aquela região - disse.

Desta forma, a casa do Botafogo entrará para o roteiro turístico oficial da cidade, o Guia do Rio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos