Esposa de Daniel Alves nega apoio ao jogador e critica jornal: 'Não deturpem o que digo'


Joana Sanz, esposa de Daniel Alves, se defendeu de críticas por uma frase apontada como apoio ao marido, preso preventivamente por suposta agressão sexual. A modelo publicou um print de uma notícia do "Vanitatis" que entendia uma mensagem escrita por ela nas redes sociais ("Coração, aguente tanta dor") como recado ao jogador e questionou a interpretação do portal.

- Mentira. Não deturpem ou interpretem mal o que digo. ‘Coração, aguente tanta dor’ é de mim para mim mesma - escreveu.

+ Daniel Alves é transferido de presídio na Espanha. Saiba como é o local onde está o jogador

Na última segunda-feira, Sanz publicou um vídeo no qual agradece aos seus seguidores pelas mensagens de carinho enviadas nos últimos dias. Além de ver o marido sendo preso, a modelo vive um luto pela perda da mãe, Maria del Carmen.

Joana Sanz - Stories
Joana Sanz - Stories

Joana Sanz via stories do Instagram

+ Tatuagem foi fator decisivo na prisão de Dani Alves, diz jornal espanhol

Daniel Alves está preso na Espanha desde a última sexta-feira. O jogador é acusado de agredir sexualmente uma mulher em uma boate, em Barcelona, no dia 30 de dezembro do ano passado. A Justiça Espanhola determinou a prisão do lateral-direito após o ex-São Paulo prestar depoimentos contraditórios sobre o caso. Nessa segunda-feira, o brasileiro foi transferido de presídio no país espanhol.