'Espero estar predestinado para este momento', diz Claudinho sobre jogar pela Seleção masculina na Olimpíada

·2 minuto de leitura


A busca pela perseverança marca o momento de Claudinho na Seleção olímpica masculina. Na contagem regressiva para a estreia da equipe, que será nesta quinta-feira (22), contra a Alemanha, o meia falou, em entrevista coletiva nesta terça-feira, sobre o quanto foi paciente para superar os percalços de sua trajetória acidentada no futebol até se firmar no RB Bragantino e chegar à lista final de André Jardine para a Olimpíada de Tóquio.

> Veja quem está no grupo da Seleção masculina em Tóquio!

- Sou um cara muito paciente, muito tranquilo, muito cabeça. Tento escutar quem está do meu lado, filtrar as coisas do meu lado - e ressaltou:

- Espero estar predestinado para este momento - completou, ao abordar sobre a disputa dos Jogos Olímpicos.

> A lista vai aumentar em Tóquio! Lembre 'veteranos' que disputaram Olimpíadas pela Seleção

O jogador de 24 anos considerou que seu desempenho nos amistosos com Cabo Verde e a Sérvia, prestes à preparação da equipe de André Jardine chegar ao fim, foram fundamentais para que ele ganhasse seu espaço.

- Acho que nesses amistosos eu consegui ir muito bem, encaixar bem na equipe e acho que encaixou como o Jardine queria também. Por ter sido um destaque do Campeonato Brasileiro e estar em crescimento desde a Série B, eu cheguei até aqui. Espero continuar a ajudar meus companheiros da melhor forma - declarou.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


Aos seus olhos, seu bom entrosamento na Seleção olímpica tem como trunfo o estilo de jogo semelhante ao do RB Bragantino.

- O estilo de jogo é parecido com o que jogo no meu clube, no Bragantino, com quatro atacantes. Isso facilita um pouco para se adaptar, não só para mim, mas para todos os jogadores.- e frisou:

- Temos excelentes jogadores aqui, cada um em sua posição entende muito rápido o que o professor Jardine quer. Nosso ponto forte é que cada jogador é o destaque na sua equipe, na liga em que está jogando, nossa equipe vai muito forte para esse campeonato - complementou.

O Brasil vai a campo nesta quinta-feira (22), às 8h30, contra a Alemanha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos