Escalação do Palmeiras contra Atlético-GO será definida por relatório do Núcleo de Saúde e Performance

·1 minuto de leitura


O Verdão luta constantemente contra lesões decorrentes da grande maratona de jogos que vive desde 2020. O LANCE!/NOSSO PALESTRA apurou que, para evitar novos desfalques, a escalação do Palmeiras para enfrentar o Atlético-GO, pelo Brasileirão, no domingo (18), será baseada no relatório do Núcleo de Saúde e Performance (NSP) do clube.

Corinthians não desiste de Paulinho, United encaminha chegada de zagueiro, Lyon rejeita oferta do Flamengo… O Dia do Mercado

Disputando Brasileirão e Libertadores, o Alviverde tem atualmente três importantes desfalques se recuperando de lesões: Rony, Luan e Luiz Adriano estão no departamento médico.

Antes do confronto, todos os atletas do Palmeiras passarão por uma avaliação do NSP e cada um receberá um relatório relativo a sua condição física. Os que forem apontados como livres de risco de lesão poderão indicar o embate contra o Dragão, mas os que receberem avaliações 'médias' ficarão à disposição no banco e os que estiverem no 'limite físico' sequer serão relacionados para o jogo.

>> Veja a tabela completa do Brasileirão

Com isso, o clube visa preservar ao máximo os jogadores para a sequência da temporada com jogos duas vezes por semana enquanto disputa a Libertadores e o Brasileirão.

Palmeiras e Atlético-GO se enfrentam no próximo domingo (18), às 16h (horário de Brasília), em Goiânia, pela 12ª rodada do Brasileirão. O Verdão lidera a competição com 25 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos