Equador e Holanda se enfrentam para encaminhar vaga nas oitavas da Copa

Depois de vencer seus jogos de estreia na Copa do Catar, Equador e Holanda se enfrentam na sexta-feira já com chances de classificação para as oitavas de final.

Sem fazer um jogo brilhante e com dois gols nos últimos minutos, os holandeses derrotaram Senegal na primeira rodada por 2 a 0, mesmo placar da vitória equatoriana sobre a seleção do Catar.

Para superar a defesa da 'Laranja Mecânica', o Equador espera poder contar com o capitão Enner Valencia. O veterano atacante, autor dos dois gols da equipe na estreia, sofreu uma pancada no joelho.

"Os exames revelaram que não há lesão, mas o trauma foi severo. Como já disse no outro dia, ele não perde este jogo por nada e se depender dele, estará à disposição. Mas vamos ver se ele responde bem no treino desta tarde", declarou nesta quinta-feira o técnico do Equador, o argentino Gustavo Alfaro.

Alfaro reconhece o favoritismo da Holanda, um adversário que "vem para ser campeão", e vê no duelo uma oportunidade para surpreender.

"É um jogo previsto para perder, como acontece nas Eliminatórias com Argentina e Brasil. Não temos nada a perder e tudo a ganhar".

Entre Equador e Holanda existe uma grande diferença no papel, já que o time europeu é o oitavo no ranking da Fifa, enquanto os sul-americanos ocupam a 44ª posição.

- "Melhor organizado que Senegal" -

Por sua vez, veterano treinador holandês Louis van Gaal não vê essa superioridade de sua equipe e elogiou a seleção equatoriana.

"O Equador é um time melhor organizado que Senegal, por isso será mais difícil para nós".

"Temos que fazer o melhor quando tivermos a bola. Eles não marcam muitos gols, mas também não sofrem. É uma equipe estável, fisicamente muito forte", acrescentou.

Assim como Alfaro, Van Gaal tem dúvida quanto ao seu atacante titular, no seu caso sobre Memphis Depay.

"Se ele será titular? Se eu revelar meu time, eles vão saber demais, não só em termos de qualidade, mas também de estilo de jogo", se esquivou o holandês.

"O outro jogo atuou por alguns minutos. O próximo passo é que jogue 45 minutos", acrescentou Val Gaal, sem revelar se Depay vai começar a partida. "Eu também não sei se eles vão jogar com (Enner) Valencia".

O jogo de sexta-feira no estádio Khalifa Internacional começou 24 horas antes na sala de imprensa de Doha.

mcd/dr/cb