Entenda porque a TNT não pode passar os jogos do Santos para São Paulo

·2 minuto de leitura
SANTOS, BRAZIL - AUGUST 09: General view of Vila Belmiro Stadium during a match between Santos and Red Bull Bragantino as part of Brasileirao Series A 2020 on August 09, 2020 in Santos, Brazil. (Photo by Miguel Schincariol/Getty Images) (Photo by Miguel Schincariol/Getty Images)
Vila Belmiro durante jogo do Brasileirão de 2020 (Miguel Schincariol/Getty Images)

A transmissão da partida desta noite entre Santos e Athletico-PR gerou uma polêmica nas redes sociais na tarde desta terça-feira. O Santos lamentou a não liberação da transmissão para o Estado de São Paulo no Twitter, mas a TNT Sports, responsável pela transmissão, pediu uma liberação do clube para realizar a transmissão para todo o país.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

A proibição da transmissão dos jogos da TNT para o Estado de São Paulo está prevista no contrato do Santos com o grupo Globo para o Pay-per-view. Como os jogos do Peixe contra outros times que assinaram com a TNT (como Bahia, Internacional, Palmeiras, etc) concorrem com o Premiere, o grupo Globo pediu exclusividade para a praça e colocou um redutor no valor do contrato em caso de transmissão.

Leia também:

O Santos, então, procurou a Turner e pediu a inclusão no contrato de uma cláusula de não transmissão para a praça (Estado de São Paulo) para não correr o risco de sofrer a redução no valor do contrato do Pay-per-view.

O Palmeiras, que foi o último clube a assinar com a Globo para o Pay-per-view, não aceitou a redução no contrato e conseguiu a liberação da maioria dos jogos transmitidos pela TNT também para a praça.

No caso do Athletico-PR, o clube não assinou com o grupo Globo para o Pay-per-view. Nesse caso, não existiria concorrência na transmissão. Por isso, a decisão para uma possível liberação deveria ser discutida entre o Santos e o grupo Globo.

O DIÁRIO apurou que a TNT aguarda uma autorização do clube para liberar o sinal para todo o país. A Turner, dona do canal, tem total interesse em transmitir o jogo para os locais com a maior concentração de torcedores do Santos, especialmente em um momento em que o público não pode estar presente nos estádios.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos