Encostado no Corinthians, Cristian negocia com Grêmio e Vasco

Jorge Nicola
Cristian ainda não jogou pelo Timão em 2017 (Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Afastado do Corinthians desde 15 de março, o volante Cristian conversa no momento com dois clubes da Série A: Grêmio e Vasco. A negociação com o Grêmio começou a pedido do técnico Renato Gaúcho. Já o contato com os vascaínos partiu da indicação de um amigo do jogador que tem bom trânsito em São Januário.

Nos dois casos, o maior empecilho é o salário de Cristian, que ganha R$ 420 mil por mês. O Corinthians até topa ajudar no pagamento desde que não gaste mais do que 50% dos vencimentos do volante.

Nas conversas com o Grêmio, ainda surgiu outro probleminha: Cristian, que não tem empresário, foi oferecido à diretoria gaúcha por diversos empresários diferentes. E com os mais variados preços e condições, o que irritou o vice-presidente de futebol, Odorico Roman, e o novo executivo de futebol, André Zanotta.

A troca no comando técnico do Vasco também é apontada como dificuldade. As negociações entre Cristian e Vasco começaram quando o clube carioca ainda era dirigido por Cristóvão Borges. A falta de resultados resultou em sua demissão e Milton Mendes acabou contratado para seu lugar. Curiosidade: o Vasco já tem Jean, outro volante emprestado pelo Corinthians.

Além de embolsar R$ 420 mil de salário por mês, Cristian ainda cobra R$ 5 milhões da diretoria alvinegra, referentes às luvas anuais que não foram pagas. No acordo firmado entre as partes, ficou estabelecido que o volante receberia R$ 2,5 milhões por temporada como prêmio – são três anos de contrato. Porém, o Timão só pagou tal valor no primeiro ano.

Para acessar outras notícias do Blog do Jorge Nicola, clique aqui: