Encontro de gerações: Tchê Tchê, de fã de Tardelli, virou colega de time

Valinor Conteúdo
·1 minuto de leitura


As voltas do mundo da bola proporcionam encontros inesperados. E, a chegada do meio de campo Tchê Tchê ao Atlético-MG trouxe um episódio interessante na carreira do jogador, que acertou com o clube mineiro até o fim do ano, vindo do São Paulo por empréstimo.

Quando era criança, Tchê Tchê mostrou seu lado fã antes de virar jogador de futebol. Ele tem registrada uma foto com Diego Tardelli em seus tempos de São Paulo, tirada em 2003, quando Tchê Tchê tinha 10 anos e o atacante do Galo, que foi criado na base Tricolor 18. O meia do Galo foi ver um treinamento do São Paulo e conseguiu a foto.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

E, quase 18 anos depois, a dupla joga no mesmo clube. Tardelli está com 35 anos e Tchê Tchê 28 anos. O fato gerou uma postagem do Atlético nas redes sociais mostrando o momento passado e o presente, em uma reprodução do fato com uma brincadeira, falando que Tchê Tchê cresceu.

-Ô Tardelli, o Tchê Tchê cresceu, hein?-dizia a postagem do Atlético. O fato gerou comoção com a coincidência que só o futebol pode oferecer, nesse encontro de gerações. Veja o vídeo acima do antes e depois.

Tchê Tchê já foi regularizado pelo clube mineiro e apareceu no BID - Boletim Informativo da CBF - estando liberado para atuar pelo alvinegro. Ele pode até atuar no clássico deste domingo, 11 de abril, contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Mineiro. Já Tardelli ainda se recupera de uma lesão na coxa e é dúvida para ser um dos relacionados de Cuca.