De emprestado a titular, Bruno Méndez 'vira o jogo' no Corinthians em menos de um ano

Desde que voltou ao Corinthians, Bruno Méndez participou de 23 jogos (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)


Bruno Méndez foi titular na vitória do Corinthians sobre o Água Santa, na última quarta-feira (18). E há boas chances do defensor assumir de vez essa condição, se não agora no decorrer da temporada. Contra o Netuno, Méndez substituiu Gil, que, por conta da idade, não deve atuar em algumas partidas, mas a tendência é que o uruguaio ocupe a vaga de Balbuena durante o ano. O paraguaio está emprestado até o fim de junho e até o momento a direção corintiana não procurou o Dínamo de Moscou para discutir a renovação.

Méndez vive uma situação que possivelmente nem ele mesmo pensasse que viveria neste início de temporada. Ele começou o ano passado pelo Internacional, clube no qual estava emprestado desde o segundo semestre de 2021. E no Colorado ele teve muita moral, a ponto do clube gaúcho ter buscado a sua compra em definitivo, mas não conseguiu por questões financeiras e divergências entre as diretorias.

+ Saiba os clubes do Brasileirão com mais seguidores no Twitter

Quando emprestou Bruno ao Inter, a direção corintiana fixou o valor de compra em 6 milhões de dólares (R$ 31 mi, na cotação da época) por 50% dos direitos econômicos do atleta. Porém, quando o contrato de cessão estava próximo de encerrar, a diretoria do Timão acenou que aceitaria receber um valor menor pela venda, mas também passaria uma fatia melhor do percentual do jogador.

+ Confira as movimentações do mercado da bola no vaivém do LANCE!

A relação entre as duas direções também nunca foi das mais amistosas, o que contribuiu para que o negócio não avançasse. Na época, o clube alvinegro ficou no aguardo dos gaúchos, que não responderam. O então treinador corintiano, Vítor Pereira, então, pediu a volta de Méndez e passou a utilizar o jogador, que antes do empréstimo ao Internacional nunca teve uma grande sequência com a camisa corintiana e também acumulou improvisações, principalmente como lateral-direito.

+ Confira a tabela do Paulistão e simule os jogos da competição estadual

Durante esta janela de transferências, o Corinthians perdeu três zagueiros: Raul Gustavo, Robert Renan e Robson Bambu. O primeiro foi emprestado para o Bahia, o segundo envolvido na compra em definitivo do atacante Yuri Alberto, que estava emprestado pelo Timão ao Zenit, da Rússia, já o terceiro foi devolvido após o fim do empréstimo do Nice, da França, e para essa temporada foi novamente cedido, dessa vez ao Vasco da Gama. Assim, Bruno Méndez passou a ser o primeiro nome do setor defensivo entre os reservas. Como Gil aparentemente deve alternar as suas participações nos jogos durante a temporada e Balbuena pode não ficar no clube alvinegro, há grandes chances que Bruno Méndez volte a ter bastante espaço pelo Coringão.