Emprestado pelo Palmeiras, Dudu volta ao Brasil para férias e definir o futuro

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·2 minuto de leitura


No início desta segunda-feira (12), Dudu postou foto a caminho do Brasil em seus stories do Instagram e isso agitou os palmeirenses nas redes sociais. Fora da lista do Al Duhail-QAT para a fase de grupos da Liga dos Campeões da Ásia por conta da indefinição de sua renovação e também devido ao limite de estrangeiros, o atleta vem para o país tirar alguns dias de férias e definir o futuro.

O vínculo de empréstimo vai até o meio do ano e os qataris têm até 15 de maio para avisar o Verdão se vão exercer o direito de compra de 80% dos direitos econômicos por seis milhões de euros (R$ 40,5 milhões na cotação atual). Os outros 20% permanecem com o Palmeiras para uma futura venda.

>> ATUAÇÕES: Raphael Veiga é o destaque do Palmeiras na Supercopa

É possível que os dirigentes do Al Duhail tentem um renegociação do pagamento previsto no acordo e o Palmeiras, até o momento, não foi informado de nada. O Alviverde se baseia no ajuste feito no ano passado quando o vínculo de empréstimo foi definido já com as bases de uma futura compra e está ciente que os qataris têm mais de um mês para se manifestarem em relação ao assunto.

Vale lembrar que caso Dudu não permaneça no Qatar, tem direito a receber dois milhões e meio de euros (R$ 16,8 milhões), como informou o jornalista Danilo Lavieri, do Uol, na última semana. No período em que esteve fora, Dudu tem treinado fisicamente sob a supervisão online de profissionais do Palmeiras para complementar a preparação feita pela comissão técnica do Al Duhail. O treinamento particular foi acertado desde a ida dele para o exterior.

Em entrevistas recentes, o jogador falou sobre o interesse de ficar no exterior, cumprir um contrato de três anos por lá e, depois, retomar a história dele no Palmeiras. Mesmo fora da lista de inscritos na competição continental, Dudu pode fazer parte do grupo na fase de mata-mata em caso de concretização da venda.

No Palmeiras, há duas leituras sobre o caso. Enquanto enfrenta dificuldade para contratar reforços pedidos por Abel Ferreira, contar com Dudu seria um ganho técnico para o treinador português. Um ídolo do clube que voltaria para chegar e jogar. Por outro lado, com receitas escassas em razão da pandemia, a confirmação da venda nos moldes previstos no contrato vai ajudar a aliviar o fluxo de caixa alviverde.