Após empate, Roque Júnior aprova estreia no comando do Ituano

A situação do Ituano não é boa no Campeonato Paulista e a estreia do técnico Roque Júnior pela equipe também prometia ser complicada, enfrentando o Mirassol, clube que briga pela liderança do Grupo D, fora de casa. Apesar de sair na frente no confronto difícil, o Galo cedeu o empate. Mesmo assim, o novo comandante celebrou a atuação.

“Certamente saio satisfeito com o desempenho da equipe. Não com o resultado de empate, principalmente sofrendo gol de bola parada. Os atletas entenderam o que treinamos e mostramos a eles. Cumpriram parte do que conversamos. Foram só quatro treinos e conseguiram realizar no jogo muita coisa que nós preparamos”, afirmou.

Com o ponto conquistado, o Ituano chegou aos nove. A equipe segue na lanterna do Grupo A e apenas a dois pontos da zona de rebaixamento. A situação se complicou, inclusive, pelo aproveitamento do ataque do Galo, que não marcava desde a terceira rodada, no triunfo por 1 a 0 sobre o São Bento.

“Fazia muito tempo que não marcávamos gol. Apesar de não ser minha função, já que tenho que marcar e ajudar os companheiros no meio campo. Felizmente consegui aparecer no ataque e tive a chance de finalizar bem e poder comemorar este gol”, completou.

O próximo jogo do Ituano promete ser ainda mais complicado, já que o Galo encara o São Paulo, sábado, às 16h (de Brasília), no Morumbi.