Emery com a corda no pescoço: PSG já estuda cinco nomes para o cargo

Luis Enrique seria a prioridade: técnico já comandou Daniel Alves e Neymar no Barça (Foto: Lluis Gene / AFP)

As duas últimas derrotas do Paris Saint-Germain, diante de Strasbourg, pelo Campeonato Francês, e Bayern de Munique, pela Liga dos Campeões, estão causando turbulência na capital francesa. E, de acordo com o jornal "L'Équipe", a diretoria do PSG já estuda demitir Unai Emery, inclusive tendo preferência por Luis Enrique para substituir o atual treinador.

O antigo técnico do Barcelona seria a preferência do presidente Nasser Al-Khelaifi. O catari também estuda outros quatro nomes, todos empregados, diferentes de Lucho, que prometeu tirar um "ano sabático" após deixar o Camp Nou ao fim de 2016/17. As opções alternativas seriam José Mourinho, do Manchester United, Antonio Conte, do Chelsea, Diego Simeone, do Atlético de Madrid, e Massimiliano Allegri, da Juventus.

Para tirar um dos quatro técnicos do cargo, o Paris Saint-Germain teria que negociar um valor com os clubes ou pagar a multa rescisória - todas elevadas, o que não seria um problema para Al-Khelaifi.

Já Luis Enrique estaria no topo das preferências, uma vez que é visto como um treinador já preparado para a pressão do clube parisiense e por já ter trabalhado com os astros Daniel Alves e Neymar. Para chegar a um acordo, bastaria demovê-lo da ideia de seguir desempregado.





E MAIS: