Zverev, Dimitrov e Thiem vencem de virada na estreia em Monte Carlo

EFE

Redação Central, 17 abr (EFE).- Três dos principais cabeças de chave do Masters 1000 de Monte Carlo, o alemão Alexander Zverev (3), o búlgaro Grigor Dimitrov (4) e o austríaco Dominic Thiem (5) estrearam no torneio com dificuldade, mas todos eles passaram de fase com vitórias de virada.

Os três tenistas iniciaram a campanha na segunda rodada por serem um dos oito mais bem ranqueados e, apesar dos problemas, continuam na luta pelo título.

Zverev teve pela frente o luxemburguês Gilles Müller e fez 2 a 1, com parciais de 4-6, 6-3 e 6-2, em 2h02min de partida, classificando-se para enfrentar o vencedor do confronto entre o italiano Fabio Fognini e o também alemão Jan-Lennard Struff, que hoje passaram pelo bielorrusso Ilya Ivashka e o japonês Yuichi Sugita, respectivamente.

Dimitrov, que teve uma lesão no ombro no começo do ano e fez sua primeira partida no saibro na temporada, teve pela frente o francês Pierre-Hugues Herbert, proveniente do qualifying, e também fez 2 a 1, com 3-6, 6-2 e 6-4, em 1h49min.

Na terceira rodada, o atual campeão do ATP Finals jogará contra o alemão Philipp Kohlschreiber ou o espanhol Albert Ramos-Viñolas, vice-campeão em 2017.

Único tenista a derrotar Rafael Nadal no saibro no ano passado, nas quartas de final do Masters 1000 de Roma, o austríaco Dominic Thiem teve pela frente o russo Andrey Rublev, 33º colocado do ranking mundial, e perdeu o primeiro set, mas venceu a partida por 2 a 1, com 5-7, 7-5 e 7-5, em uma batalha de 2h40min de duração.

O austríaco, que precisou salvar um match point, terá pela frente agora o croata Borna Coric ou o sérvio Novak Djokovic, bicampeão em Monte Carlo e nono favorito desta edição do torneio.

A principal derrota do dia foi do francês Lucas Pouille, cabeça de chave número sete e que defendia semifinais no principado. Ele perdeu para o alemão Mischa Zverev também de virada, com parciais de 2-6, 6-1 e 7-6(3).

Também semifinalista em 2017, o belga David Goffin teve melhor sorte. Após dois meses afastado das quadras por lesão, o sexto favorito bateu o grego Stefanos Tsitsipas em sets diretos, com 7-6(4), e 7-5, e agora vai encarar quem passar no duelo de espanhóis entre Roberto Bautista Agut e Feliciano López.


Resultados desta terça-feira do Masters 1000 de Monte Carlo, torneio de tênis válido pelo circuito profissional masculino, disputado no saibro e que distribui 4.872.105 euros em prêmios:.


Simples, segunda rodada.

Dominic Thiem (AUT, 5) venceu Andrey Rublev (RUS) por 5-7, 7-5 e 7-5.

Mischa Zverev (ALE) venceu Lucas Pouille (FRA, 7) por 2-6, 6-1 e 7-6(3).

Grigor Dimitrov (BUL, 4) venceu Pierre-Hugues Herbert (FRA) por 3-6, 6-2 e 6-4.

David Goffin (BEL, 6) venceu Stefanos Tsitsipas (GRE) por 7-6(4), e 7-5.

Alexander Zverev (ALE, 3) venceu Gilles Müller (LUX) por 4-6, 6-3 e 6-2.


Simples, primeira rodada.

Feliciano López (ESP) venceu Benoit Paire (FRA) por 5-7, 7-6(5), 6-4.

Jan-Lennard Struff (ALE) venceu Yuichi Sugita (JAP) por 6-3 e 6-2.

Fernando Verdasco (ESP) venceu Pablo Cuevas (URU) por 5-7, 7-6(4) e 6-1.

Fabio Fognini (ITA, 13) venceu Ilya Ivashka (BLR) por 6-4 e 7-5.

Marcos Cecchinato (ITA) venceu Damir Dzumhur (BOS) por 6-3 e 6-2.

Gilles Simon (FRA) venceu Adrian Mannarino (FRA, 16) por 6-3, 4-6 e 6-2.

Diego Schwartzman (ARG, 10) venceu Guido Pella (ARG) por 0-6, 6-2 e 6-3.

Richard Gasquet (FRA) venceu Jeremy Chardy (FRA) por 6-4 e 7-6(5).

Philipp Kohlschreiber (ALE) venceu Tennys Sandgren (EUA) por duplo 6-2.

Andreas Seppi (ITA) venceu Kyle Edmund (GBR) por 6-3, 5-7 e 6-2. EFE

mlm/dr


Leia também