Em vídeo, torcedor do Grêmio parece imitar macaco para palmeirenses

·2 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Vídeo que circula pelas redes sociais mostra um torcedor do Grêmio imitando o que seria um macaco em direção à torcida do Palmeiras, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Neste domingo (31), após derrota para o clube paulista por 3 a 1, pelo Campeonato Brasileiro, torcedores do time gaúcho invadiram o campo e vandalizaram a cabine do VAR. Também houve briga nas arquibancadas.

Nas imagens, um homem sem camisa provoca os torcedores adversários e, com os braços abertos, balança o corpo repetidas vezes. "Olha ele imitando um macaco", diz o autor do vídeo.

A reportagem tenta contato com a assessoria do Grêmio. Ao UOL, a administração do estádio gremista afirmou que está apurando os fatos e que se manifestará assim que tiver todas as informações reunidas.

Com a derrota deste domingo, o Grêmio ocupa a penúltima colocação do Brasileiro e está a seis pontos do Bahia, 16º colocado e primeiro time a se livrar para a queda para a Série B. Faltam ao Grêmio ainda 11 jogos na competição.

Depois do jogo, torcedores de Grêmio e Palmeiras trocaram socos pela lateral da grade que separava o público local e visitante. Vândalos também invadiram o gramado e destruíram a cabine do VAR.

Em 2014, uma torcedora do Grêmio foi filmada chamando o goleiro Aranha, então no Santos, de "macaco". Isso acarretou na eliminação da equipe do Sul do torneio.

Na quinta-feira (28), um jogador do Remo (PA) foi alvo de ataque racista por parte de um torcedor não identificado do Cruzeiro em partida disputada, no Independência, em Belo Horizonte, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Vídeo divulgado nas redes sociais por uma torcida organizada do time paraense capta o momento em que o atacante Jefferson, ao comemorar gol marcado contra o rival, é chamado de "macaco".

Em setembro, Celsinho, do Londrina, disse ter sido chamado de "macaco" por um dirigente do Brusque, também pela Série B. O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) suspendeu um conselheiro do Brusque por quase um ano e penaliou o clube com perda de três pontos pelo caso.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos