Em vídeo, ex-tenista Feijão sugere que irmã espalhou coronavírus

Folhapress

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Conhecido como Feijão, o ex-tenista João Souza publicou um vídeo neste sábado (21) em que sugere que a irmã, Maria Clara, espalhou coronavírus por Mogi das Cruzes, em São Paulo.

Em diálogo com a ela, Feijão diz que "Mogi decretou estado de calamidade publica por causa dessa pobre louca".

"Agora estou ótima, não estou de quarentena, vocês que lutem", responde Maria Clara.

Banido do tênis por manipulação de resultados, Feijão apagou o vídeo de seu perfil no Instagram e postou uma mensagem de esclarecimento.

"Galera, brincadeira de mau gosto para uns, falta de assunto para outros, motivo para julgarem e carinho das pessoas que se preocupam. Não estamos [infectados] e muito menos passando corona para ninguém. Ali era um papo entre irmãos que gravei e postei. Quem achou que foi mau gosto, nos desculpem. Aos poucos que realmente se preocupam, sim, estamos bem, saudáveis e em casa."

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também