Em recuperação da Covid, Renan Dal Zotto passa períodos sem ventilação mecânica

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* RIO DE JANEIRO, RJ, BRASIL, 11.01.2017 - O técnico da seleção masculina de vôlei, Renan Dal Zotto. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)
*ARQUIVO* RIO DE JANEIRO, RJ, BRASIL, 11.01.2017 - O técnico da seleção masculina de vôlei, Renan Dal Zotto. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A CBV (Confederação Brasileira de Voleibol) informou nesta sexta-feira (6) que o técnico da seleção masculina, Renan Dal Zotto, foi traqueostomizado (procedimento cirúrgico para pacientes que precisam de tubos para respirar) e segue em boa recuperação da Covid-19.

"Renan está sem febre, lúcido e com períodos cada vez maiores sem a ventilação mecânica. Sua evolução clínica é positiva e vem correspondendo ao esperado pelos médicos", afirma o comunicado.

Internado desde o dia 16 de abril, três dias após ter recebido o diagnóstico de infecção pelo coronavírus, Renan foi intubado no dia 19 e extubado no dia 24. Um dia depois, porém, teve piora no quadro e precisou voltar para a ventilação mecânica. Continua nessa condição, porém em perídos menores, conforme informado pela CBV.

Com o afastamento de Renan, os auxiliares Carlos Schwanke e Ricardo Tabach conduzem os treinos da seleção brasileira em Saquarema (RJ). O Brasil se prepara para a Liga das Nações, a partir de 25 de maio, na Itália, e os Jogos Olímpicos de Tóquio, entre julho e agosto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos