Em nome da honra: sem o acesso, Vasco tenta juntar os cacos e mostrar dignidade contra o Vitória

·1 min de leitura


É inevitável. O Vasco, seus jogadores e sua torcida terão que encarar quatro jogos até o fim da Série B do Campeonato Brasileiro. As chances de acesso praticamente inexistem - o próprio clube já desistiu publicamente após a goleada sofrida na última rodada. Mas é preciso ser digno. E, nesta quarta, no mesmo Estádio de São Januário, o adversário é o Vitória.

- A torcida está extremamente irritada, infeliz, triste e com todo direito. Temos que saber absorver tudo aquilo que vem de fora e o torcedor vascaíno merece dias melhores. O lugar do Vasco é na Série A, não na Série B - afirmou o técnico Fernando Diniz depois do último jogo.

O jogo desta quarta também é pouco atrativo. Com seis vitórias e 16 empates, o Vitória tem 34 pontos e o rebaixamento à Série C é praticamente irreversível - 96% de chance de queda, de acordo com o site Infobola. Só que os presentes na arquibancada e na frente da televisão vão querer uma resposta à medonha atuação na derrota para o Botafogo.

- É muito difícil você apontar um motivo ou por quê. Trabalhamos muito para corrigir os problemas. Tínhamos corrigido a bola parada, praticamente não sofríamos com isso, mas fomos tomar um gol hoje. Trabalhamos incessantemente para corrigir os defeitos que fomos identificando. Mas ainda assim foi insuficiente para subirmos - lamentou Fernando Diniz.

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

Se não será pela vaga, que seja pela honra.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos