Em noite impecável, Palmeiras goleia Mirassol e está nas quartas da Copinha

O Palmeiras garantiu com tranquilidade a vaga nas quartas (Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)


O Palmeiras goleou o Mirassol, por 4 a 0, pela Copa São Paulo de Futebol Júnior. A 'blitz' Alviverde nos minutos iniciais, aliada aos erros do adversário, surtiu efeito e rendeu três gols em 10 minutos. A boa exibição manteve o 100% de aproveitamento na competição e credenciou o clube nas quartas.

Agora, o Verdão enfrenta o Floresta-CE na próxima fase da Copinha, na quarta-feira (18). O local e horário do confronto ainda deve ser definido.


+ Saiba quais são hoje os 30 elencos mais valiosos do futebol brasileiro


COMEÇO FULMINANTE

Logo no começo do jogo, o Palmeiras não deixou o Mirassol desde o começo e a pressão teve rápido resultado. Aos três minutos de jogo, Kevin recebeu um bom passe de Pedro Lima na área, o jogador finalizou, a bola desviou na marcação, enganou o goleiro e morreu no fundo da rede.

A PRESSÃO CONTINUA

A avalanche foi potente e surtiu efeito após ‘cooperação’ adversária. Três minutos depois do primeiro gol, o Palmeiras ganhou uma falta perto da área do Mirassol. David Kauã alçou a bola na área, o goleiro Lacerda errou no encaixe da bola e a oportunidade sobrou na frente de Ruan Ribeiro que não pestanejou para ampliar o marcador.

NOITE COMPLICADA PARA O GOLEIRO

A noite não parecia ser do goleiro Lacerda, mas seus companheiros também não contribuíram. Ruan Ribeiro aproveitou falha na defesa do Mirassol para construir jogada pelo lado direito do campo, cruzou rasteiro na área, o guarda-redes falhou para interceptar a bola e Wesley mandou contra o próprio patrimônio.

AMPLIA O PASSEIO

A atitude do Palmeiras ainda rendeu mais um gol na primeira etapa. David Kauã armou a jogada com Kevin, o atleta palmeirense alçou a bola na área, Vitinho subiu mais que os adversários e mandou de cabeça para o fundo do gol.

MUDANÇA DE RITMO

No segundo tempo, o ritmo foi bem diferente. Mesmo com o controle do Palmeiras, as chances de gol ficaram mais raras e o Mirassol se tranquilizou no jogo. Aos ‘10, Cauã Queiroz caiu na área e o árbitro deu a penalidade máxima. Na cobrança, Arilton bateu no canto esquerdo, mas Aranha se esticou para espalmar e manter sua meta inabalável. Dessa maneira, o jogo caminhou até o final e teve o placar selado em 4 a 0.

FICHA TÉCNICA

MIRASSOL-SP 0 x 4 PALMEIRAS

Estádio:
Estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto-SP
Data e hora: 16 de janeiro de 2023, às 21h45 (de Brasília)
Árbitro: João Victor Gobi
Assistentes: Diego Morelli de Oliveira e Izabele de Oliveira
Cartões amarelos: João Marcelo ('43/1ºT) para o Mirassol.
Gols: Kevin, aos '3/1ºT (0-1); Ruan Ribeiro, aos '6/2ºT (0-2); Wesley (gol contra), aos '10/1ºT (0-3); Vitinho, aos '35/1ºT (0-4)

MIRASSOL (Técnico: Mateus Naneti)
Lacerda; Wesley, Renato, João Marcelo e Diogo (Rony, aos '31/2ºT); Wellington Silvano, Arilton (Hugo, aos '19/2ºT) e Gabriel (Ferri, intervalo); Thomas (Mateus Ortega, aos '31/2ºT), Arthur Baggio (Murilo, aos '19/2ºT) e Juninho (Cauã Queiroz, intervalo).

PALMEIRAS (Técnico: Paulo Victor Gomes)
Wanderson Aranha; Edney (Gilberto, intervalo), Henri, Talisca (Pedro, aos '30/2ºT) e Ian; Léo (Victor, aos '26/2ºT), Pedro Lima (Patrick, aos '15/2ºT) e David Kauã; Kevin (Kauan Santos, aos '15/2ºT), Ruan Ribeiro (Daniel, aos '15/2ºT) e Vitinho.