Em meio à polêmica, Arrascaeta embarca rumo ao Brasil para se reapresentar ao Flamengo

LANCE!
·1 minuto de leitura


Após se tornar assunto de polêmica na noite de domingo, Arrascaeta embarcou na manhã desta segunda-feira para o Brasil. O meia, que passava férias no Uruguai com a família, foi liberado da reapresentação junto com o restante do elenco do Flamengo e recomeçará os trabalhos no Ninho do Urubu nesta terça-feira.

+ Em acordo com o clube e Ceni, Arrascaeta se reapresentará ao Flamengo na terça-feira

Neste domingo, o comentarista da ESPN e ex-jogador Djalminha afirmou que o meia uruguaio não se reapresentaria no Ninho do Urubu nesta segunda por conta de problemas entre o seu estafe e a diretoria rubro-negra. Após as notícias, o próprio atleta usou as redes sociais para se posicionar.

- Galera me deixem aproveitar meu último dia de férias com a família - afirmou.

+ Flamengo define prioridades e vai ao mercado por reforços; veja lista com 20 opções

Posteriormente, o Flamengo também explicou o acordo com o meia Arrascaeta e destacou o menor número de voos entre Uruguai e Brasil como um dos motivos para a liberação.

- O atleta Arrascaeta foi liberado pela direção e o técnico Rogério Ceni para se apresentar na terça-feira (16). Ele está no Uruguai e o número de voos se encontra reduzido em razão da pandemia. Para ficar um maior tempo com os familiares e passar o final de semana, o atleta fez a solicitação. Caso contrário, Arrascaeta precisaria ter retornado na sexta-feira (12) - publicou o clube.