Em meio à crise, Bélgica joga a vida na Copa do Mundo no que pode ser o último suspiro de uma geração

Belgas precisam da vitória contra a Croácia para se classificar (Foto: JACK GUEZ / AFP)


Depois de uma semana tensa e com uma crise interna exposta pela imprensa, a Bélgica joga a vida na Copa do Mundo nesta quinta-feira. A seleção belga entra em campo contra a Croácia, no Ahmad Bin Ali Stadium, em Al Rayyan, no Qatar, às 12h (de Brasília), e precisa de uma vitória simples para garantir a classificação para as oitavas de finais.

No entanto, o que pode parecer uma tarefa teoricamente tranquila para a Bélgica, na verdade será uma prova de força de uma seleção que não tem apresentado um desempenho confiável. Principalmente por conta dos bastidores da equipe, onde parece existir uma tensão entre jogadores importantes.

A seleção belga bem que tem tentado colocar panos quentes em uma possível crise interna nos últimos dias. No dia seguinte ao vazamento da notícia da confusão entre os jogadores no vestiário após a derrota frente ao Marrocos, Hazard e Courtois foram escolhidos para falar com a imprensa e tentaram passar uma sensação de normalidade no elenco. O técnico Roberto Martínez também falou afirmou que a seleção está em um clima bom e que o foco é todo na partida contra a Croácia.

+ Croácia x Bélgica: onde assistir, horário e escalações do jogo da Copa do Mundo

- Esta tormenta está toda no lado de fora, estamos vendo muita fake news. Estão aproveitando a situação para criar fatos negativos. Há mais desejo de se encontrar notícias negativas do que de desfrutar da melhor geração que o nosso futebol já teve. Quem inventou este boato deu uma bola fora. Não estamos nada satisfeitos com as nossas atuações e muito menos os jogadores. Mas temos que reagir - disse Martínez.

+ Ex-técnico da Bélgica opina sobre crise interna da seleção na Copa do Mundo: 'Devem ficar em silêncio'

O jogo contra a Croácia, nesta quinta, tomou contornos dramáticos para a Bélgica. Os Diabos Vermelhos entram em campo pressionados, tanto pela falta de desempenho técnico quanto para não ficar na primeira fase da Copa do Mundo seguinte ao terceiro lugar conquistado em 2018. Para todos da seleção belga, o jogo contra os croatas é considerado uma final.

+ Técnico da Bélgica se irrita em coletiva, dispara contra a imprensa e diz que seleção está 'sozinha'

- Prometemos na reunião: seremos 26 guerreiros em campo (contra a Croácia, porque até os que estão no banco também vão lutar - destacou Eden Hazard.

Resta saber qual será a Bélgica que vai entrar em campo nesta quinta. Se vai ser a Bélgica que fez valer o posto de segunda melhor seleção do mundo na Fifa, ou se vai ser a seleção que foi dominada por Canadá e Marrocos. No que pode ser o último suspiro da ótima geração belga em Copas do Mundo, o jogo contra o Croácia tem significado maior que somente a classificação para as oitavas: a sobrevida de uma geração perante as críticas e a provação de força frente a um adversário mais forte que os já enfrentados.