Em jogo truncado, Atlético-GO e Inter ficam no empate sem gols

·4 minuto de leitura


Mais um duelo movimentou a 18ª rodada do Brasileirão Série A. Assim, o Internacional foi até o Antônio Accioly, em Goiânia, para encarar o Atlético-GO, neste domingo, 29. Em um duelo tecnicamente fraco, os times buscaram os gols a todo momento, mas não conseguiram tirar o zero do placar.

Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

PRESSÃO DOIS DOIS LADOS...

As duas equipes entraram em campo com tudo, sempre buscando pressionar bastante o adversário. Assim, quem se sobressaiu foi o Atlético-GO. Jogando em casa, o time se aproveitou para fechar o Internacional. Contudo, não conquistou chances de perigo.

PERDEU!

O Colorado conseguiu se desvencilhar da alta marcação dos goianos. Dessa forma, a primeira chegada partiu dos gaúchos, aos 9. Taison mandou um bom passe para Yuri Alberto, que recebeu nas costas da defesa e rolou para Patrick. Um defensor tentou afastar, mas mandou nos pés do camisa 11. Assim, o atacante mandou uma bomba em cima do goleiro Fernando Miguel.

JOGO TRUNCADO...

Depois da pressão inicial, as duas equipes diminuíram o ritmo e a intensidade. Sendo assim, pouco foi criado por ambos os lados. Além disso, tanto o Atlético-GO quanto o Inter apareciam com grande dificuldade de chegar ao ataque. Apenas aos 22 o Colorado conseguiu ter mais posse de bola, se sobressaindo na partida.

CHANCES DE OURO!

Vencendo a marcação do Internacional, o Dragão teve sua grande chance aos 23. Arnaldo chegou na linha de fundo pelo lado direito, fazendo o cruzamento. Bruno Méndez subiu mais alto que André Luís e afastou o perigo. Na sequência, João Paulo recebeu na entrada da área e chutou colocado. Yuri evitou o lance de perigo.

ANULOU...

O gol, de fato, saiu aos 26. Arnaldo recebeu no lado direito, invadiu a área e bateu cruzado. O atacante mandou a bola no fundo das redes, mas o juiz acabou anulando o tento por impedimento de Zé Roberto, que participou em um desvio.

DEFESAÇA!

Com o Inter diminuindo a pressão, o Dragão seguiu encontrando mais espaços e trouxe perigo à meta de Daniel. Contudo, o goleiro soube ser providencial quando necessário. Aos 32, em chute de longe do Atlético-GO, o arqueiro conseguiu evitar o gol de André Luís. Dois minutos depois, Moisés apareceu para dar a resposta. O lateral recebeu de Taison e arriscou com o pé direito. A bola foi fraca e sem grandes perigos.

VOLTA MOVIMENTADA!

Após o intervalo, o Atlético-GO mudou da cara e chegou com muito perigo para o Internacional. Logo no primeiro minuto, Janderson recebeu no lado esquerdo e bateu cruzado, em direção à meta colorada. Daniel apareceu para desviar.

PRESSÃO GOIANA!

Na sequência, aos 4, Arnaldo tocou para João Paulo, que venceu a marcação e chutou da marca do pênalti. Bruno Méndez salvou em cima da linha. Logo depois, após cobrança de escanteio de Janderson, Wanderson tocou de cabeça. A bola passou perto do travessão de Daniel.

AINDA MAIS TRUNCADO...

Após a saída de Taison, que sentiu a coxa esquerda, o Inter perdeu ainda mais o seu ritmo. Dessa forma, como o Atlético-GO também não estava em alto
nível, as equipes pouco criaram. O Colorado só foi aparecer aos 28. Na jogada, Heitor recebeu, avançou para o meio e mandou com a canhota. A bola foi sem muita força, batendo na trave.

CHANCES DESPERDIÇADAS!

Com a entrada de Caio Vidal, o Colorado conseguiu se jogar mais ao ataque. Contudo, acabou pecando na finalização. Aos 37, Daniel encontrou Edenílson livre no lado esquerdo. O camisa 8 mandou para Vidal, que cortou para o meio e arriscou. Fernando Miguel defendeu. Na sequência, Caio tentou com a canhota, mas Arnaldo desviou. Aos 42, Palacios recebeu de Maurício, mas colocou muita força e mandou por cima da meta do Dragão. Como resposta, Janderson tentou, mas parou no goleiro do Inter. Sem outras chances, o duelo terminou no zero.

FICHA TÉCNICA
Atlético-GO 0 x 0 Internacional
Local:
Antônio Accioly, em Goiânia (GO)
Data e hora: 29/08/2021 - 18h15 (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves da Silva
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Osimar Moreira da Silva Junior
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia
Cartões amarelos: Zé Roberto (Atlético-GO); Rodrigo Dourado, Patrick e Palacios (Internacional)
Cartões vermelhos: -
Gols: -

ATLÉTICO-GO (Técnico: Eduardo Barroca)

Fernando Miguel; Arnaldo, Wanderson, Éder e Igor Cariús; Willian Maranhão, Baralhas e João Paulo; Arthur Henrique (Janderson, aos 27'/1ºT); Zé Roberto (Montenegro, aos 32'/2ºT) e André Luís (Rickson, aos 32'/2ºT).

INTERNACIONAL (Técnico: Diego Aguirre)

Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Víctor Cuesta e Moisés (Paulo Victor, aos 25'/2ºT); Rodrigo Dourado, Johnny (Paolo Guerrero, aos 14'/2ºT), Edenílson e Patrick (Caio Vidal, aos 34'/2ºT); Taison (Palacios, aos 24'/2ºT) e Yuri Alberto (Maurício, aos 34'/2ºT).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos