Em jogo tenso, Flamengo abre defesa do título da Libertadores com vitória

Folhapress

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Flamengo abriu com vitória sua luta para defender o título da Copa Libertadores. Na Colômbia, em um duelo cheio de entradas duras e discussões nesta quarta-feira (4), o atual campeão venceu o Junior Barranquilla por 2 a 1, ambos os gols marcados por Éverton Ribeiro.

Para conquistar seus três primeiros pontos no grupo A, agora na vice-liderança da chave, atrás do Independiente del Valle, o time rubro-negro precisou manter a calma diante de jogadas violentas. Filipe Luís chegou a levar cotovelada de Teo Gutiérrez.

Éverton Ribeiro, porém, mostrou categoria para definir o placar. Aos seis minutos do primeiro tempo, o meia recebeu passe de Vitinho e bateu bem, no canto direito. Os jogadores do Junior reclamaram muito de toque de mão de João Lucas no início da jogada.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Na etapa final, quando os donos da casa apertaram em busca do empate, o Flamengo soube aproveitar a oportunidade de contra-ataque. Aos 34 minutos, Michael recebeu de Gabigol e deixou Éverton Ribeiro na cara do gol para matar o jogo. Gutiérrez descontou aos 50, no último lance.

JUNIOR BARRANQUILLA

Viera; Piedrahita (Viáfara), Rosero, Mera e Fuentes; Moreno, Sánchez , Hinestroza (Cárdenas) e Cetré (Valencia); Borja e Téo Gutiérrez. T.: Julio Comesaña

FLAMENGO

Diego Alves; João Lucas, Léo Pereira, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Thiago Maia, Gerson e Everton Ribeiro; Arrascaeta (Michael), Vitinho (Pedro) e Gabigol. T.: Jorge Jesus

Estádio: Metropolitano Roberto Meléndez, em Barranquilla (COL)

Árbitro: Alexis Herrera (VEN)

Assistentes: Jorge Urrego e Tulio Moereno (VEN)

Cartões amarelos: Borja (JUN); João Lucas, Filipe Luís, Gabigol e Diego Alves (FLA)

Gols: Everton Ribeiro (FLA), aos 6min do 1º tempo e aos 34min do 2º tempo; Téo Gutierrez (JUN), aos 50min do 2º tempo

Leia também