Em jogo pegado, Coritiba vence Sampaio Corrêa

·3 minuto de leitura


Nesta sexta-feira, 16, Sampaio Corrêa e Coritiba entraram em campo pela 12ª rodada do Brasileirão Série B. Em um duelo muito marcado por faltas fortes, a Arena Castelão, no Maranhão, terminou com um triunfo dos paranaenses, que fizeram 3 a 2 nos donos da casa. Paulo Sérgio ainda marcou contra.

Agora, o Coritiba se concentra para o seu encontro com CRB. Jogando no Couto Pereira, o duelo acontece na quinta-feira, 22. Enquanto isso, o Sampaio Corrêa tenta se recuperar diante Guarani, na terça-feira, 20.

​COMEÇO TRANQUILO
A partida se iniciou calma, com paciência e as equipes se estudando a todo momento. O Sampaio Corrêa foi o primeiro time a criar uma jogada de perigo. Aos 4, Pimentinha cruzou para Ciel, que mandou por cima da trave.

COXA NA FRENTE
Apesar de bastante truncado, o Coritiba saiu na frente do marcador. Aos 11, Val, da meia-lua, bateu uma falta rasteira, mandando a bola para o fundo das redes. Seis minutos depois, o Coxa apareceu em lateral, onde a bola sobrou para Robinho, que avançou e mandou de fora da área. A bola foi por cima do travessão.

BUSCANDO O EMPATE
A partida ficou ainda mais equilibrada, com poucas chances sendo criadas. Assim, o Sampaio Corrêa tentava explorar os erros do adversário. Aos 27, Pimentinha entortou Guilherme Biro na área, cruzando na área. Ciel cabeceou para fora. Na sequência, Jean cabeceou pela linha de fundo.

ENFIM, OS GOLS
Aos 37, Robinho bateu falta da esquerda, mas Paulo Sérgio mandou contra a própria meta. O Sampaio Corrêa diminuiu a vantagem. Pimentinha invadiu a área, cruzando para Ciel, que ajeitou para Ferreira bater e balançar as redes.

​VOLTA TURBULENTA E MAIS GOLS
Aos 9, uma confusão generalizada marcou a volta da partida. Luís Gustavo levou um vermelho, retirado pela arbitragem pouco tempo depois. Dois minutos, porém, o Coritiba ampliou. A arbitragem marcou pênalti, que Léo Gamalho mandou no canto, fazendo o 3 a 1.

PARTIDA TENSA
Na sequência, o jogo ficou ainda mais tenso, com faltas cada vez mais fortes. Contudo, os donos da casa se encontraram e tiveram chances de mudar a situação. Nilson Júnior, Ciel e Ronney desperdiçaram as boas oportunidades que tiveram.

RESPOSTA DO COXA E MAIS UM PÊNALTI
Ainda sem grandes lances, o Coxa apareceu aos 31, quando Igor Paixão, cara a cara com o goleiro, chutou cruzado. No final do duelo, Igor derrubou um jogador do Sampaio na área. A arbitragem assinalou pênalti, que foi convertido por Jefinho, que mandou no ângulo.

FICHA TÉCNICA
Sampaio Corrêa 2 x 3 Coritiba
Local: Castelão, no Maranhão
Data/Horário: 16 de julho (sexta-feira), às 21h30
Árbitro: Maguielson Lima Barbosa
Assistentes: Lehi Sousa Silva e Maykon Matos Nunes
Cartões amarelos: Luis Gustavo, Paulo Sérgio e Watson (Sampaio Corrêa); Robinho e Dalberto (Coritiba)
Cartão vermelho: Luiz Daniel
Gols: Val (12’/1°T) (0-1); Paulo Sérgio (37’/1°T) (0-2); Ferreira (42’/1°T)(1-2); Leo Gamalho (12’/2°T); Jefinho (53’/2°T)

Sampaio Corrêa: Mota; Luís Gustavo (Watson), Paulo Sérgio, Nilson Júnior e Zé Mário; Pablo (Romarinho), Ferreira e Nadson (Jefinho); Pimentinha, Ciel (Gui Campana, 48’/2°T) e Jean Silva (Rooney). Técnico: Felipe Surian.

Coritiba: Wilson; Natanael (Romário, 40’/2°T), Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Val e Robinho; Waguinho, Leo Gamalho (William Alves, 32’/2°T) e Igor Paixão. Técnico: Gustavo Morínigo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos