Em jogo de cinco gols e muitas emoções, América-MG vence o Sport fora de casa

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·5 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Em plena na Arena Pernambuco, em partida válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, o América venceu o Sport pelo placar de 3 a 2. Com a vitória, o Coelho foi para 41 pontos e ocupa a 10ª colocação na tabela. Já o Leão permanece afundado na zona do rebaixamento com apenas 30 pontos e no 18º lugar.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

CALENDÁRIO
Na próxima rodada, o América-MG recebe o Grêmio, no Independência, em Belo Horizonte, dia 13 de novembro, às 18h30. Já o Sport visita o Ceará, no Castelão, em Fortaleza, dia 14 de novembro, às 19h00.

AMÉRICA-MG COMEÇA SUFOCANDO O SPORT

Mesmo jogando fora de casa e sabendo que o Sport viria para cima por causa da luta contra o rebaixamento, o América-MG não deu chance para o azar, controlou o jogo nos primeiros 10 minutos e perdeu duas boas oportunidades com Juninho e Zárate.

A PRESSÃO DÁ RESULTADO E O COELHO ABRE A CONTAGEM
A blitz do Coelho no início da partida surtiu o efeito desejado e o gol saiu. Aos 16 minutos, Felipe Azevedo faz grande jogada e cruza. Alê estava esperto na jogada e desviou para abrir a contagem na Arena Pernambuco: 1 a 0 para o América-MG.

SPORT TENTA O EMPATE, MAS ACABA COM UM JOGADOR EXPULSO
O Sport foi com tudo para cima do América-MG após levar o gol. Mas o máximo que o time do técnico Gustavo Florentin conseguiu foi uma cabeçada após escanteio cobrado pelo meia-campista Hernanes.

Se as coisas não estavam muito boas na partida para o Leão, ficaram ainda pior após a expulsão de Gustavo Oliveira. O meia entrou de forma muito dura em Felipe Azevedo. Após consultar o VAR, o árbitro Raphael Claus retirou o amarelo e deu vermelho direto para o camisa 10 do Sport.

AMÉRICA-MG PERDE CHANCE INCRÍVEL NO FIM DO PRIMEIRO TEMPO
Mesmo com 10, o Sport tentava marcar o gol de empate, mas mostrava muita dificuldade principalmente na criação das jogadas. Enquanto isso, o América-MG administrava o resultado e esperava uma oportunidade para ampliar o placar no contra-ataque.

E foi num lance de contra-ataque que o Coelho quase fez o segundo gol. Felipe Azevedo lançou Ademir, que saiu cara a cara com Maílson. O goleiro do Sport conseguiu fechar bem o ângulo e fez uma defesa espetacular evitando que sua equipe fosse para o intervalo com dois gols de desvantagem.

SPORT PERDE GRANDE CHANCE; AMERICA-MG MARCA UM BELO GOL
No primeiro minuto da etapa complementar, o Sport poderia, mesmo com 10 jogadores, ter empatado a partida. Mikael recebeu passe e soltou o pé, Matheus Cavichioli fez uma grande defesa, mas deu rebote. Marcão tentou, mas o goleiro do América defendeu de novo.

Já que o Sport não marcava, o América-MG foi lá e fez. O goleiro Matheus Cavichioli acertou um belíssimo lançamento para Ademir. Ele dominou, limpou a jogada e conseguiu de muito longe finalizar em direção ao gol. O goleiro Maílson vacilou e a bola foi parar no fundo da rede: 2 a 0 para o Coelho.

SPORT VAI À LUTA E EMPATA O JOGO EM 10 MINUTOS
O gol do América-MG tinha tudo para ser um banho de água fria no Sport. Só que o Coelho se acomodou com a grande vantagem achando que a partida já estava resolvida e viu aos poucos o time do Leão crescer.

De forma muito valente, o Sport conseguiu, aos 20 minutos, diminuir a desvantagem. Ewerthon avançou pela direita e cruzou rasteiro. Mikael conseguiu antecipar o zagueiro do América-MG e finalizar de forma brilhante para diminuir o prejuízo: 1 a 2.

O gol fez o Sport se agigantar no jogo e pressionar o time do Coelho Aos 30 minutos, a pressão dos pernambucanos foi recompensada. Zé Welison bateu falta muito bem e marcou um belo gol para empatar o jogo: 2 a 2.

AMÉRICA-MG FAZ O GOL E VENCE A PARTIDA
Tudo levava a crer que o Sport conseguiria, no embalo da torcida e na empolgação, virar a partida, mas a defesa do Leão bobeou e América-MG marcou o terceiro gol. Aos 37, Patric foi acionado e cruzou. Ninguém chegou em Juninho Valoura, que conseguiu finalizar muito bem para marcar: 3 a 2 para o Coelho.

O Sport ainda tentou na base do desespero buscar o gol de empate, mas o América-MG conseguiu segurar a pressão do Leão e garantir os três pontos.

SPORT 2 x 3 AMÉRICA-MG – CAMPEONATO BRASILEIRO – 31ª RODADA
Estádio
: Arena Pernambuco, em Recife (PE)
Data/horário: 10 de novembro de 2021, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Gustavo Rodrigues de Oliveira
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Tréllez, Marcão Silva (SPO), Lucas Kal e Alê (AME)
Cartões vermelhos: Gustavo Oliveira (SPO)
GOLS: Alê, 16’/1ºT (0-1) (AME), Ademir, 06’/2ºT (0-2) (AME), Mikael, 20’/2ºT (1-2) (SPO), José Welison, 30’/2ºT (2-2) (SPO), Juninho Valoura, aos 37’/2ºT (2-3) (AME).

SPORT (Técnico: Gustavo Florentín)
Maílson; Ewerthon (Tréllez, aos 40’/2ºT), Rafael Thyere, Sabino e Sander; Marcão Silva, José Welison, Hernanes (Betinho, aos 12’/2ºT) e Gustavo Oliveira; Paulinho Moccelin (Everton Felipe, aos 12’/2ºT) e Mikael.

AMÉRICA-MG (Técnico: Marquinhos Santos)
Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva (Anderson, aos 33’/2ºT) e Marlon (João Paulo, aos 24’/2ºT); Lucas Kal (Zé Ricardo, aos 13’/2ºT), Juninho e Alê (Juninho Valoura, aos 13’/2ºT); Ademir, Felipe Azevedo (Rodolfo, aos 24’/2ºT) e Zárate.

O Coelho permitiu o empate ao Sport, porém, se reequilibrou  e conseguiu o gol que deu mais três pontos aos mineiros
O Coelho permitiu o empate ao Sport, porém, se reequilibrou e conseguiu o gol que deu mais três pontos aos mineiros

América-MG venceu o Sport nesta quarta-feira (Marina Almeida/América-MG)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos