Em jogo movimentado, CSA e Bahia empatam pela Série B

·3 min de leitura
(Reprodução / Twitter)


Jogando no estádio Rei Pelé na noite desta sexta-feira (22), CSA e Bahia empataram em 1 a 1, no duelo válido pela 3ª rodada do Brasileirão Série B 2022. No começo do jogo, Luiz Otávio colocou o Tricolor de Aço na frente, mas Dalberto deixou tudo igual ainda antes do intervalo. Com o resultado, os visitantes chegaram aos sete pontos e estão na liderança provisória do torneio. Enquanto isso, o Azulão tem apenas dois e está na 14ª colocação.

Agora, as duas equipes voltam a campo pela série B na próxima terça-feira (26). Fora de casa, o CSA encara o Brusque, às 20h30. Enquanto isso, às 21h30, o Bahia recebe o Sampaio Corrêa.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

TRICOLOR DE AÇO NA FRENTE
Apesar de jogar fora de casa, o Bahia começou o jogo indo para cima do CSA e controlando a posse da bola. Com o passar do tempo, as primeiras chances surgiram, mas a pontaria não ajudou a equipe visitante.

Depois de sofrer com uma leve imposição do adversário no começo, o CSA passou a sair mais para o jogo e assustou o goleiro Danilo Fernandes. Entretanto, quando parecia assumir o controle da partida, o Azulão teve um baque. Em lance de Matheus Bahia, a bola ficou no bate e rebate dentro da área. O zagueiro Luiz Otávio apareceu e completou de leve para o gol, colocando os visitantes na frente.

ÁGUA MOLE, PEDRA DURA...
Com o gol sofrido, o CSA passou a controlar a partida de vez, mas agora em busca do empate. Assim, a equipe alagoana passou a empilhar chances perdidas.

Insistindo em lances com Osvaldo pelo lado esquerdo do ataque, o Azulão conseguiu o empate justamente com uma jogada do atacante. Ele ganhou de Jonathan e cruzou na segunda trave. Dalberto apareceu sozinho e completou para o gol, levando o 1 a 1 para o empate.

GOLS ANULADOS E CARNÉ PROVIDENCIAL
Assim como a primeira etapa, o segundo tempo foi bem movimentado no estádio Rei Pelé. Logo no primeiro minuto, Bruno Mezenga virou o jogo para o CSA, mas o impedimento do centroavante foi um empecilho para o gol ser validado.

Depois do susto, o Bahia deu trabalho para Marcelo Carné. O goleiro do time da casa apareceu bem em finalizações de Davó e Daniel, com o meio tentando passar pelo goleiro duas vezes sem sucesso. Já nos minutos finais, Patrick fez o segundo do Tricolor de Aço, mas novamente o impedimento evitou que o placar saísse do 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
CSA 1 X 1 BAHIA
​​​​​
Local: Rei Pelé, em Maceió (AL)
Data e hora: 22/04/2022 - 19h (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Tiago Gomes da Silva (GO)
​Cartões amarelos: Bruno Mezenga, Gabriel (CSA), Rezende, Marco Antônio, Patrick de Lucca (Bahia)
Cartões vermelhos: André (Bahia)

GOLS: Luiz Otávio (16'/1°T) (0-1), Dalberto (43'/1°T) (1-1)

CSA (Técnico: Mozart)

Marcelo Carné; Cedric, Wellington Nascimento (Werley, aos 7'/2°T), Lucão e Ernandes; Geovane (William, aos 32'/2°T), Gabriel e Lourenço; Dalberto (Sassá, aos 21'/2°T), Bruno Mezenga e Osvaldo (Lucas Barcelos, aos 32'/2°T).

BAHIA (Técnico: Guto Ferreira)

Danilo Fernandes; Jonathan (André, aos 28'/2°T), Didi, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Rezende (Patrick de Lucca, aos 35'/1°T), Emerson Santos (Lucas Falcão, aos 28'/2°T) e Daniel (Rildo, aos 21'/2°T); Vítor Jacaré (Djalma Silva, aos 21'/2°T), Davó e Marco Antônio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos