Em jogo movimentado, Corinthians marca nos acréscimos e vence na estreia pela Copinha

·5 min de leitura


O Corinthians começou com o pé direito em busca do seu 11º título da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em um jogo movimentado, principalmente nos minutos finais, o Timão bateu o Resende, do Rio de Janeiro, por 2 a 1, no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos, pela primeira rodada do grupo 15 da competição.


O Time do Povo abriu o placar aos 11 minutos do segundo tempo, com um golaço de Kevin, em um chute de fora da área. No entanto, aos 45 minutos da etapa final, Bismarck converteu um pênalti e igualou o marcador para os cariocas. Mas o clube paulista garantiu a vitória logo na saída de bola, com Matheus Araújo.

A partida também foi marcada por paralisações, principalmente uma de 10 minutos, logo no início da partida, por conta de confusões em relação a entrada de torcedores corintianos e conflito com a Polícia Militar.

RESENDE COMEÇA ASSUSTANDO

Logo no primeiro minuto de jogo o meia Medina, que fazia a sua estreia pelo Resende, assustou o torcedor corintiano. O jogador carregou a bola sozinho no meio-campo, arriscou de fora da área, mas mandou do lado direito do gol de Alan Gobetti.

PARALISAÇÃO

Logo em seguida, aos três minutos, a partida precisou ser paralisada, por conta de uma confusão entre a Polícia Militar e parte da torcida corintiana, que invadiram um portão de acesso ao estádio Martins Pereira, por conta de torcedores do São José, mandante do grupo, que permaneceram no local das partidas, já que antes do duelo entre Corinthians e Resende, o Águia do Vale recebeu o River, do Piauí, em confronto preliminar. Foram 10 minutos de bola parada em São José dos Campos, com direito a bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo.

CORINTHIANS VOLTA ASSUSTANDO

Quando o jogo recomeçou, o zagueiro Robert Renan saiu jogando bem, lançou ao campo de ataque, a defesa do Resende bateu cabeça, e a bola sobrou para o atacante Felipe Augusto, que invadiu a área e finalizou cruzado para fora.

RESENDE RESPONDE

A resposta do time carioca aconteceu sete minutos depois, quando o atacante Brendon, com passagem pela base corintiana, ficou cara a cara com o goleiro Alan Gobetti, mas parou o arqueiro do Timão, que fez a defesa com o rosto.

FINAL DE PRIMEIRO TEMPO MOVIMENTADO

Após os bons momentos para os dois lados a partida diminuiu o ritmo e voltou a ganhar fôlego nos minutos finais da etapa inicial, primeiramente com o Resende, e novamente com Brendon, que recebeu passe de Bismarck, na entrada da grande área, pelo lado direito, mas finalizou por cima do gol.

Na sequência foi a vez do Corinthians assustar, com boa jogada de Giovane, pelo lado direito, ganhando da marcação, cruzando por baixo e Keven recebendo, girando com a marcação, mas finalizando por cima do gol.

TIMÃO ABRE O PLACAR

Os dois times voltaram sem substituições para o segundo tempo, mas o Time do Povo voltou com nova postura. Mais acelerado ofensivamente e dominando mais ações, demorou 11 minutos na etapa final para abrir o placar, com Keven, que recebeu passe de Reginaldo, pelo lado esquerdo de ataque, viu o lateral puxar a marcação, trouxe para o meio e finalizou na entrada da grande área, no ângulo esquerdo do goleiro Pedro, um golaço para abrir o marcador favoravelmente ao Timão.

VARANDA ACERTA A TRAVE

Após o gol, o Corinthians manteve o controle da partida, e o Resende não teve o mesmo ritmo do primeiro tempo para buscar o empate. O jogo ficou morno até os 32 minutos da etapa final, quando dois atletas que saíram do banco, e tiveram passagem pelo elenco profissional, protagonizaram um lance de extremo perigo. Após retomar a posse de bola no campo de ataque, Guilherme Biro colocou Rodrigo Varanda na cara do gol, pelo lado direito, o atacante levantou a cabeça, encheu o pé e acertou o travessão.

NOVA PARALISAÇÃO

Aos 40 minutos do segundo tempo, o jogo foi paralisado novamente, mas dessa vez por um tempo menor, menos de dois minutos, por conta de um sinalizador aceso pela torcida corintiana. O capitão do Timão, Reginaldo, foi até a torcida para solicitar que o objeto fosse apagado.

RESENDE ENCONTRA EMPATE NOS MINUTOS FINAIS

Ainda que não tenha feito um bom jogo no segundo tempo, o Resende buscou o empate no último minuto regulamentar, após o garoto Kaio, que havia saído do banco de reservas, sofrendo um pênalti, do lateral-esquerdo Reginaldo. A cobrança foi convertida pelo atacante Bismarck.

CORINTHIANS VOLTA À FRENTE NOS ACRÉSCIMOS

Pouco após a saída de bola corintiana, o Timão conseguiu o gol da vitória, com o meia Matheus Araújo, que recentemente renovou o seu contrato com o clube do Parque São Jorge. O próprio Matheus iniciou a jogada, passando para Guilherme Biro, do lado esquerdo, e o meia devolveu para o camisa 10, finalizar no canto direito baixo do goleiro pedro e garantir o triunfo do Corinthians na estreia da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 1 RESENDE-RJ - COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JR. 2022 -
1ª RODADA (GRUPO 15)


Local: Martins Pereira, São José dos Campos (SP)
Data e Hora: 4 de janeiro de 2022, às 21h45
Árbitro: Guilherme Francisco Maciel da Silva e Rosário
Assistentes: Leandro Fernandes Rodrigues e Matheus Guilherme Biselli da Cruz
Cartões amarelos: Riquelme (Corinthians)
Cartões vermelhos:
Gols: 1-0 Keven (11'/2T)

CORINTHIANS
Alan Gobetti; Léo Mané, Alemão (Vitor, 30'/2T), Robert Renan (Murillo, 13'/2T) e Reginaldo; Mandaca (Ryan, 30'/2T), Riquelme (Guilherme Biro, 13'/2T), Matheus Araújo e Keven; Giovane (Daniel Marcos, 43'/2T) e Felipe Augusto (Rodrigo Varanda, 13'/2T). Técnico: Diogo Siston

RESENDE-RJ
Pedro; Valter (Zé Carlos, 27'/2T), Gabriel Peixoto, Henrique Halls e Douglas (Cauan, 36'/2T); Índio (David, 14'/2T), João Felipe (Samuel, 27'/2T) e Medina; Brendon (Kaio, 36'/2T), Bismarck e Léo Santos (Léo Pedro, 14'/2T). Técnico: Jefter Percy

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos