Em jogo morno, Chape e Brusque empatam sem gols pelo Catarinense

Futebol Latino
·3 minuto de leitura


Pela 7ª rodada do Campeonato Catarinense, bem que Chapecoense e Brusque tentaram encontrar o gol, mas acabaram não tendo o sucesso nas investidas, mantendo o placar do jeito que começou: 0 a 0.

Com o resultado, a equipe de Umberto Louzer manteve-se na liderança da competição, porém somando agora 16 pontos. Já o time de Jerson Testoni, com o ponto somado, estacionou na segunda posição agora com 14.

Chapecoense x Brusque
Chapecoense x Brusque

Confronto foi realizado na Arena Condá, em Chapecó (Foto: Márcio Cunha/ACF)

EQUILÍBRIO NO INÍCIO DE JOGO

Nos primeiros 15 minutos, foram de bastante movimento em campo. Em um lance inicial, foi a Chape quem conseguiu oferecer perigo com Mike, mas a bola do atacante acabou indo por cima do gol.

Na sequência, o Brusque deu a resposta. Aos 8, Garcez acabou sendo acionado pela esquerda e, após limpar a jogada, arriscou para a boa defesa do goleiro Keiller.

CHAPE VAI PRA CIMA, MAS VISITANTES TENTAM MANTER MESMO RITMO

Com o tempo passando, a equipe da Chape ainda insistia com suas chegadas ofensivas por parte de Tiago Coser e Anderson Leite, causando perigo a Claudinho.

Já pelo lado do Bruscão, Júnior Pirambu e Alex Ruan foram quem conseguiram chegar com mais ofensividade, inclusive quase marcando o primeiro tento, mas o arqueiro Keiller mostrou elasticidade no lance mandando para escanteio no lance.

SEGUNDO TEMPO COM O MESMO PANORAMA

Sem alterações na volta nos dois lados, os primeiros 10 minutos foram de poucos lances de finalizações. Sendo assim, os dois treinador optaram então por recuar aos seus suplentes, trocando algumas peças, sendo pelo lado de Jerson as entradas de Bruno Mota, Bruno Alves e Nonato, enquanto Umberto Louzer, por sua vez, aumentou também seu poder de ataque ao colocar Fabinho e Bruno Silva em campo.

MAIS MUDANÇAS E ÚLTIMAS TENTATIVAS

Com a reta final de partida se aproximando, outra vez os técnicos resolveram mexer em seus respectivos times. Enquanto Geuvânio entrou na Chape, vendo antes o Fabinho tentar um chute colocado e, momentos depois, Anselmo Ramon dar trabalho a Dalberson, o técnico Quadricolor não ficou por baixo, e também resolveu alterar seu esquema tático.

Entretanto, mesmo com as movimentações, nenhum lance de perigo ocorreu até os acréscimos. Com isso, foi a deixa para o árbitro soprar o apito colocando um ponto final no confronto na Arena Condá terminando com o placar de 0 a 0.


FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE x BRUSQUE - 7ª RODADA DO CAMPEONATO CATARINENSE
Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 30 de março de 2021, às 22h (de Brasília)
Árbitro: William Machado Steffen
Assistentes: Clair Dapper e Mauro Ricardo Oliveira Alves da Luz
Cartões amarelos: Moisés Ribeiro e Bruno Silva (CHA) / Vivico, Rodolfo Potiguar, Claudinho e Bruno Alves (BRU)
Cartões vermelhos: -

CHAPECOENSE (Técnico: Umberto Louzer)
Keiller; Matheus, Derlan, Tiago e Busanello; Anderson Leite, Moisés e Ravanelli (Geuvânio, aos 35'/2ºT); Fernandinho (Bruno Silva, aos 18'/2ºT), Mike (Fabinho, aos 18'/2ºT) e Anselmo Ramon.

BRUSQUE (Técnico: Jerson Testoni)
Dalberson; Vivico (Edílson, aos 41'/2ºT), Claudinho, Alemão e Aírton; Zé Mateus, Rodolfo Potiguar (Nonato, aos 15'/2ºT), Garcez (Tinga, aos 44'/2ºT) e Alex Ruan (Bruno Alves, aos 15'/2ºT); Tiago Alagoano e Júnior Pirambu (Bruno Mota, aos 14'/2ºT).