Em jogo emocionante e com muitos gols, Brusque vence o Náutico e continua fora do Z-4

·3 min de leitura


No estádio Augusto Bauer, em jogo válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, em jogo emocionante, o Brusque derrotou o Náutico pelo placar de 4 a 3. Com o resultado, o Quadricolor agora soma 38 pontos, sobe para 15ª colocação e respira na luta contra o rebaixamento. Já o Timbu estaciona nos 45 pontos, fica no 9º lugar e vê mais longe a chance de chegar no G-4.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

CALENDÁRIO
Na próxima rodada, o Náutico recebe o Coritiba, no estádio dos Aflitos, em Recife. Já o Brusque enfrenta o Confiança, no Batistão, em Aracaju. Ambas as partidas serão realizadas no dia 06 de novembro.

O jogo
NÁUTICO COMEÇA BEM E ABRE O PLACAR
Mesmo jogando fora de casa, o Náutico iniciou o jogo partindo para cima do Brusque e inaugurando o marcador com 5 minutos. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Caio Dantas, que mostrou que estava ligado na partida e finalizou bem para estufar a rede e fazer: 1 a 0 para o Timbu.

BRUSQUE RESPONDE COM O EMPATE
O time do Brusque não desanimou com o gol sofrido e foi para do Náutico. O Quadricolor poderia ter empatado o jogo aos 10 minutos, mas a finalização de Jhon Cley parou no goleiro Anderson.

Mas a pressão do Brusque deu resultado. No lance seguinte, aos 13 minutos, veio o empate. Rodolfo Potiguar lançou para o atacante Tony, que venceu a disputa com a defesa do Timbu e bateu para igualar o placar: 1 a 1.

NÁUTICO VOLTA À FRENTE NO PLACAR, MAS O BRUSQUE EMPATA EM SEGUIDA
O Brusque bem que tentou aproveitar o embalo para virar o jogo, mas o ataque Quadricolor não conseguiu colocar para dentro as oportunidades criadas. Com isso, o Náutico cresceu no jogo e logo voltou à frente no placar.

Novamente em cobrança de escanteio, Caio Dantas finalizou, Ruan Carneiro defendeu mas deu rebote. O zagueiro Rafael Ribeiro mostrou todo o seu oportunismo e conseguiu marcar o gol do Náutico: 2 a 1, aos 27 minutos.

Mas a vantagem do Timbu não durou muito tempo. Aos 31, após cobrança de falta, a defesa do Náutico vacilou, Luizão mostrou oportunismo e conseguiu concluir com maestria para empatar: 2 a 2. Na jogada, o zagueiro do Brusque acabou se machucando e teve que sair da partida.
BRUSQUE PRESSIONA E VIRA O JOGO
Desta vez o Brusque não deu sopa para o azar. O time catarinense fez uma blitz na defesa do Náutico, que voltou a falhar e deixou que o Quadricolor virasse a partida. Após cobrança de escanteio, a bola é desviada, a defesa do Timbu não tirou e ainda deixou Garcez livre para só empurrar para dentro do gol e virar o jogo: 3 a 2 para o Brusque.

SEGUNDO TEMPO
NÁUTICO VOLTA COM TUDO PARA ETAPA COMPLEMENTAR E EMPATA O JOGO
Quem pensou que as duas equipes não aguentariam o ritmo na etapa complementar se enganou redondamente. Em jogo eletrizante, aos 9 minutos, o Náutico foi lá e empatou a partida. A cobrança de lateral é batida para dentro da área, a defesa do Brusque rebate mal e a bola sobra para Jean Carlos. O meia do Timbu bateu de primeira e marcou um belo gol: 3 a 3.

BRUSQUE VOLTA À FRENTE NO PLACAR
O jogo continuou aberto e muito emocionante. As duas equipes permaneciam buscando o 4º gol de forma frenética. E que conseguiu voltar à frente no marcador no estádio Augusto Bauer foram os catarinenses.

Em contra-ataque, Garcez recebeu lançamento e disparou com a bola dominada pelo lado esquerdo. Ele não foi egoísta e cruzou rasteiro, Jhon Cley bem colocado conseguiu finalizar e fazer mais um gol para o Brusque: 4 a 3.

FINAL DE JOGO ELETRIZANTE E VITÓRIA DO BRUSQUE
O final da partida foi emocionante. Apesar de exaustos, os jogadores das duas equipes continuavam lutando em busca do seu objetivo no jogo. O time do Brusque foi mais feliz e conseguiu segurar o placar e levar os três pontos para casa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos