Em jogo com dois pênaltis, São Paulo vence Jorge Wilstermann e encaminha vaga na Sul-Americana

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Brazil's Sao Paulo Reinaldo (L) celebrates with teammates after scoring the team's second goal against Bolivia's Jorge Wilstermann during their Copa Sudamericana group stage football match at the Felix Capriles stadium in Cochabamba, Bolivia, on April 28, 2022. (Photo by Fernando CARTAGENA / AFP) (Photo by FERNANDO CARTAGENA/AFP via Getty Images)
Brazil's Sao Paulo Reinaldo (L) celebrates with teammates after scoring the team's second goal against Bolivia's Jorge Wilstermann during their Copa Sudamericana group stage football match at the Felix Capriles stadium in Cochabamba, Bolivia, on April 28, 2022. (Photo by Fernando CARTAGENA / AFP) (Photo by FERNANDO CARTAGENA/AFP via Getty Images)

O São Paulo venceu o Jorge Wilstermann-BOL, fora de casa, por 3 a 1, em Cochabamba e encaminhou a sua classificação no Grupo D da Copa Sul-Americana, com nove pontos conquistados, cinco a mais que o segundo colocado, Everton. Igor Gomes, Marquinhos e Reinaldo de pênalti, marcaram para o Tricolor, enquanto Osorio, em outra penalidade, descontou.

JOGO COMEÇA EQUILIBRADO E SÃO PAULO ASSUSTA
A partida começou com as duas equipes se estudando, tentando criar jogadas perigosas. No entanto, faltava aquele último passe para deixar alguém com a oportunidade de marcar.

Leia também:

Quem teve a primeira chance foi o São Paulo. Aos sete minutos, Igor Vinicius fez boa jogada pela direita, driblou o marcador e ajeitou para o pé esquerdo. O lateral chutou com força, Poveda deu o rebote e a bola voltou nos pés de Igor Gomes. A bola bateu no meia e saiu pela linha de fundo.

SÂO PAULO CONTINUA DOMINANTE E ABRE O PLACAR
Conforme o jogo acontecia, o São Paulo permanecia com o controle da partida e quase fez o primeiro com Luciano, aos 17 minutos. Eder cruzou na entrada da pequena área, e Luciano arriscou de bicicleta. O atacante pegou mal, e a bola saiu pela linha de fundo.

Até que, aos 22 saiu o gol do São Paulo. Igor Vinicius recebeu livre na direita, dominou e cruzou rasteiro para Igor Gomes chegar tocando na saída do goleiro.

JORGE WILSTERMANN MELHORA E EMPATA DE PÊNALTI
Depois que abriu o placar o São Paulo diminuiu o ritmo, o que fez com que o Jorge Wilstermann crescesse na partida. Com 26, Chávez recebeu enfiada de bola dentro da área, finalizou cruzado e Volpi fez boa defesa com o pé. No rebote, mais uma finalização, que Arboleda travou.

Até que com 31 minutos, saiu o gol do Jorge Wilstermann. Arboleda cometeu pênalti em Osório. Na cobrança, o atacante bateu forte no canto direito de Volpi, que acertou o canto mas não conseguiu defender.

2º TEMPO COMEÇA COM RIGONI QUASE MARCANDO UM GOLAÇO
O segundo tempo começou igual como iniciou o primeiro, com o São Paulo tendo o domínio da partida. Aos oito, Rigoni fez boa jogada pela direita, fez cruzamento, mas ninguém chegou para empurrar a bola para o gol.

Um minuto depois, o argentino bateu falta no travessão. Na sequência, Alisson aproveitou cruzamento para a área e cabeceou com força. A bola foi por cima do gol.

DE PÊNALTI, REINALDO COLOCA O SÃO PAULO EM VANTAGEM NOVAMENTE
O São Paulo tinha o domínio da partida e conseguia chegar ao ataque. Aos 17, Eder foi lançado, mas antes de chegar na bola, foi derrubado na área pelo goleiro Poveda. Pênalti que Reinaldo bateu com categoria, deslocando o goleiro e fazendo o segundo gol.

O Jorge Wilstermann quase empatou aos 24. Villaroel recebeu passe dentro da área, finalizou de primeira e a bola passou muito perto da trave de Volpi, que só ficou com o golpe de vista.

WILSTERMANN PRESSIONA E CRIA CHANCES DE EMPATAR
Buscando o gol da igualdade, o clube boliviano passou a ser mais perigoso. Aos 27, Machado bateu de fora da área e a bola passou perto da meta de Volpi. Sete minutos depois, Volpi errou cobrança de tiro de meta, Serginho aproveitou e bateu com força, mas a bola saiu.

O São Paulo respondeu com duas oportunidades. Com 37, Rigoni perdeu ótima chance. O atacante argentino recebeu livre dentro da área, não dominou e a bola ficou livre para o goleiro Poveda. Um minuto depois, o argentino cruzou rasteiro e Marquinhos bateu de primeira. A bola explodiu na trave.

MARQUINHOS MARCA BELO GOL E FECHA O PLACAR
O São Paulo matou o jogo aos 39 minutos. Marquinhos partiu para cima da marcação, ajeitou para a perna esquerda e bateu colocado, sem chance para Poveda.

JORGE WILSTERMANN 1 X 3 SÃO PAULO
Local:
Estádio Félix Capriles, em Cochabamba (BOL)
Data/Horário: 28/04/2022, às 19h15
Árbitro: Carlos Ortega (COL)
Assistentes: Jhon Leon (COL) e Dionizio Ruiz (COL)
Gols: Igor Gomes (22'/1ºT) (0-1), Osório (30'/1ºT) (1-1), Reinaldo (18'/2ºT) (1-2), Marquinhos (39'/2ºT) (1-3)
Cartões amarelos: Robson, Echeverría (WIL), Luan, Igor Gomes, Rafinha (SAO)
Cartões vermelhos:

JORGE WILSTERMANN-BOL
Poveda; Maxi Ortiz, Echeverría, Ronny Montero e Robson (Francisco Rodríguez, aos 15'/2ºT); Cristhian Machado, Luis Vargas (Áñez/Intervalo), Villarroel e Serginho; Osorio e Andrés Chávez (Ballivián, aos 28'/2ºT). Técnico: Sergio Migliaccio.

SÃO PAULO
Volpi, Igor Vinicius (Rafinha, aos 30'/2ºT), Arboleda, Léo e Reinaldo; Luan (Andrés Colorado/Intervalo), Gabriel Sara (Marquinhos, aos 38'/1ºT), Igor Gomes e Alisson; Eder (Rodrigo Nestor, aos 23'/2ºT) e Luciano (Rigoni/Intervalo). Técnico: Rogério Ceni.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos